X
Praia Grande

Defesa Civil faz campanha para alertar sobre perigos dos raios em Praia Grande

Faixas foram instaladas em vários pontos da Cidade, principalmente na orla

Defesa Civil faz campanha para alertar sobre perigos dos raios em Praia Grande / Divulgação

A Coordenadoria de Defesa Civil de Praia Grande realiza anualmente campanha de prevenção sobre os perigos da maior incidência de raios durante o verão, que tem início no dia 21 de dezembro. A ação integra o Plano Preventivo de Defesa Civil (PPDC) do Governo do Estado de São Paulo e tem o objetivo de orientar as pessoas sobre a importância de deixar a praia em caso de tempestades.

Para alertar sobre os perigos de permanecer na praia em caso de chuvas ou tempestades com raios, a Coordenadoria de Defesa Civil instalou 13 faixas em pontos estratégicos do Município, principalmente na orla da  praia. Cada um dos 8 postos de guarda-vidas conta com uma faixa, além  do posto da Guarda Costeira, no Forte; na sede do Grupamento Marítimo dos Bombeiros (GBMar), no bairro Mirim; na sede da Associação dos Funcionários do Banco Nossa Caixa e Banco do Brasil, no bairro Flórida; uma no Terminal Tude Bastos e uma no Terminal Tatico.

Faça parte do grupo do Diário no WhatsApp e Telegram.
Mantenha-se bem informado.

De acordo com o coordenador de Defesa Civil de Praia Grande, Luciano Gomes Souza, o objetivo é conscientizar sobre um fenômeno perigoso e  que pode custar vidas. “É extremamente importante que, ao menor sinal  de tempestades, as pessoas saiam do mar e da praia. Queremos que  moradores e visitantes possam aproveitar nossas praias com  tranquilidade”.

Ele explica ainda que o ideal é que as pessoas se abriguem em locais seguros, como edificações ou até mesmo o carro. Mas que nunca fiquem embaixo de árvores e próximo a postes. “E ao contrário do que muita  gente pensa, o guarda-sol acaba atraindo os raios, então não é seguro”, afirma.

Deixe a sua opinião

VEJA TAMBÉM

ÚLTIMAS

Polícia

Mulher suspeita de envenenar enteados com chumbinho no feijão é presa

Cíntia Mariano Dias Cabral é suspeita de ter assassinado a jovem Fernanda Carvalho, de 22 anos, e tentar repetir a prática com o irmão dela, de 16 anos

Saúde

Insônia em crianças pode ser tratada com higiene do sono, diz médico

Rotina e hábitos antes de dormir ajudam a evitar a insônia em pequenos

©2021 Diário do Litoral. Todos os Direitos Reservados.

Software