PRÉ-CANDIDATO À PRESIDÊNCIA

Despedida de Doria do Governo de SP tem a presença de 619 prefeitos

Em sua fala para se despedir do Governo de SP, Doria se emocionou ao lembrar de seus pais e do exílio do pai, que foi perseguido pela ditadura

Folhapress

Publicado em 31/03/2022 às 17:58

Atualizado em 31/03/2022 às 18:40

Compartilhe:

Doria / Divulgação

O evento de despedida de João Doria (PSDB) do cargo de governador foi acompanhado por 619 dos 645 prefeitos de São Paulo, segundo o tucano. O governador se manteve como pré-candidato à presidência da República.

Além de secretários de governo, o evento teve a presença do presidente do PSDB, Bruno Araújo, e do presidente da Assembleia de São Paulo, Carlão Pignatari (PSDB).

Também estiveram presentes aliados de outros partidos, como o presidente do MDB, Baleia Rossi, e o presidente da Câmara Municipal, Milton Leite (União), além do prefeito da capital, Ricardo Nunes (MDB).
Deputados federais do PSDB-SP também acompanharam a despedida no auditório.

Lembrança dos pais

Em sua fala para se despedir do Governo de São Paulo, João Doria (PSDB) se emocionou por duas vezes, ao lembrar de seus pais e do exílio do pai, que foi perseguido pela ditadura militar.

Doria condenou a ditadura em seu discurso. Também afirmou gostar de desafios e não ter sucumbido às ambições do poder.

VEJA TAMBÉM

ÚLTIMAS

São Vicente

Cidade do litoral de SP faz ações em alusão ao 'Julho Amarelo'; confira as atividades

A campanha tem por finalidade o reforço às ações de vigilância, prevenção e controle das hepatites virais

Esportes

São Paulo vence o Grêmio no Morumbis e fica na ponta do G4

Com o resultado, o Tricolor obteve 30 pontos e passou o Bahia no saldo de gols

©2024 Diário do Litoral. Todos os Direitos Reservados.

Software

Newsletter