X
Mundo

Trump assina decreto na tentativa de frear Obamacare

Revogar o Obamacare, uma das marcas registradas do governo Obama, é uma promessa de campanha do novo presidente

Donald Trump assinou um decreto na tentativa de frear o Obamacare / Associated Press

Poucas horas após assumir a Casa Branca, Donald Trump tomou sua primeira ação contra o Obamacare -a lei de reforma da saúde do antecessor-, ordenando a agências do governo paralisar regulamentações e adotar medidas para enfraquecê-lo.

A ordem executiva (equivalente a um decreto presidencial) instrui o secretário de Saúde (ainda não confirmado pelo Congresso) e as agências a "exercer toda a autoridade e discernimento para isentar, adiar, garantir exceções ou atrasar" a implementação de exigências do Obamacare que imponham "um fardo orçamental" a Estados, empresas ou indivíduos.

O texto diz, por exemplo, que os órgãos podem isentar de multa quem não possui plano de saúde -a obrigatoriedade de ter um seguro é um ponto central do programa de Obama.

Trump solicitou esforços para conceder aos Estados maior flexibilidade para implementar programas de saúde enquanto desenvolve "um mercado livre e aberto para a oferta de serviços de saúde e convênios médicos".

A ideia é tentar frear a aplicação do programa enquanto não consegue acabar com ele.

Revogar o Obamacare, uma das marcas registradas do governo Obama, é uma promessa de campanha de Trump. Porém, ainda não foi apresentado um plano para substituí-lo.

Deixe a sua opinião

VEJA TAMBÉM

ÚLTIMAS

Polícia

Polícia prende dois homens suspeitos de tráfico de drogas em São Vicente

Os agentes estavam em um patrulhamento preventivo pela Rua Antônio Luís Barreiros, no bairro Japuí, quando encontraram dois homens na trilha do surfista

Tragédia

Homem de 23 anos morre afogado ao tentar buscar bola de futebol no mar

Segundo informações do Grupamento de Bombeiros Marítimos (GBMar), o afogamento aconteceu na Praia Preta

©2021 Diário do Litoral. Todos os Direitos Reservados.

Software