Irã diz que não há proibição para empresas petrolíferas americanas em seu país

No entanto, Zanganeh disse que as empresas americanas 'não têm nenhuma proibição de entrar em nossa indústria de petróleo'

Comentar
Compartilhar
31 JAN 2017Por Estadão Conteúdo19h00
O Ministério do Petróleo do Irã publicou uma lista de empresas internacionais qualificadas para licitar projetos de petróleo e gásFoto: Divulgação

 Ministro do Petróleo do Irã, Bijan Zanganeh, disse nesta terça-feira que não há proibição de empresas americanas na indústria de petróleo do Irã, de acordo com a agência de notícias iraquiana Ilna 

"As empresas americanas não têm nenhuma proibição de entrar em nossa indústria de petróleo", disse Zanganeh.

No entanto, Zanganeh disse que as empresas americanas "não aplicaram para trabalhar na indústria de petróleo do Irã, até agora".

Esta é a primeira observação do Irã depois do decreto que o presidente dos EUA, Donald Trump, emitiu na sexta-feira proibindo a imigração e processamento de vistos para iranianos ao lado de outros seis países muçulmanos.

Em janeiro, o Ministério do Petróleo do Irã publicou uma lista de 29 empresas internacionais qualificadas para licitar projetos de petróleo e gás após a retirada de sanções sob um marco do acordo nuclear que entrou em vigor no ano passado.