Banner Sabesp

Acusados de assédio aparecem entre os nomes mais pesquisados do ano

Kevin Spacey foi acusado de assédio sexual por homens da equipe de 'House of Cards'

Comentar
Compartilhar
14 DEZ 2017Por Folhapress00h30

Nomes envolvidos em casos de assédio sexual estiveram entre os mais buscados do Google no mundo em 2017. O produtor de cinema americano Harvey Weinstein, acusado por dezenas de atrizes, foi o quarto nome da lista, segundo dados da empresa de tecnologia divulgados nesta quarta-feira (13).

O ex-âncora do programa de TV "Today", Matt Lauer, lidera o ranking de pessoas mais buscadas na internet. Ele foi demitido do programa no dia 29 de novembro após ser acusado de assédio por colegas de trabalho.

Na busca geral, ele é o quarto colocado, ficando atrás apenas do furacão Irma, que atingiu a região do Caribe e os Estados Unidos em setembro, e dos iPhones 8 e X.

A atriz Meghan Markle, noiva do príncipe Harry no último dia 27, foi a segunda colocada entre os nomes mais pesquisados. Nas buscas gerais, ficou em quinto.

Nadia Toffa, apresentadora de TV italiana, ficou em terceiro, e o ator Kevin Spacey, outro com acusações de assédio, em quinto.

Os 10 nomes mais pesquisados:

1. Matt Lauer
2. Meghan Markle
3. Nadia Toffa
4. Harvey Weinstein
5. Kevin Spacey
6. Gal Gadot
7. Melania Trump
8. Floyd Mayweather
9. Michael Flynn
10. Philippe Coutinho

Colunas

Contraponto