Trabalhadores se reúnem na quinta-feira (13)

Eles estarão reunidos para analisar os efeitos do pacote, lançado pela presidente Dilma Rousseff

Comentar
Compartilhar
08 DEZ 201200h46

Na próxima quinta-feira, 13 de dezembro, às 10 horas, na sede do SINDAPORT (Sindicato dos Empregados na Administração Portuária), sindicalistas representantes dos portuários de Santos estarão reunidos para analisar os efeitos que o pacote, lançado pela presidente Dilma Rousseff, para o setor portuário pode acarretar para os trabalhadores.

“Na segunda-feira será debatida e avaliada a possibilidade de realização de assembleia conjunta para informar e orientar os trabalhadores sobre os efeitos desse pacote. O departamento jurídico dos Sindicatos também vai analisar os prós e contras desse pacote para que os direitos adquiridos pelos trabalhadores não sejam prejudicados. Caso tenhamos algum prejuízo, vamos discutir com a categoria até uma possível paralisação das atividades no Porto de Santos”, analisa Everandy Cirino dos Santos, presidente do SINDAPORT e vice-presidente da Federação Nacional dos Portuários.

Segundo Everandy Cirino, os dirigentes sindicais criticam a elaboração e o anúncio do pacote de medidas para o setor portuário porque não foram consultados e importantes assuntos para a classe trabalhadora do cais foram deixados de fora.

“Aposentadoria especial para o setor portuário, garantia de renda aos avulsos e a reativação do adicional de indenização do trabalhador portuário avulso poderiam ter sido discutidos e incluídos nesse pacote. Porém, o Governo só quis se reunir com a classe empresarial”, critica o sindicalista.

Ele conclui lembrando que desde o inicio, os sindicatos portuários apoiaram publicamente a candidatura da Presidenta Dilma Rousseff, e ainda que hoje, tenham algumas ressalvas em assuntos políticos e sindicais, reconhecem que seu mandato tem sido pautado por medidas enérgicas com relação a corrupção.

O trabalhadores irão se reunir na próxima segunda-feira, às 10 horas (Foto: Matheus Tagé/DL)
 

Colunas

Contraponto