Funcionários do Santander farão greve após demissões em massa

As 15 agências de Santos deixarão de funcionar por 24h, nesta quarta-feira (05), contra as demissões que estão ocorrendo em todo o país

Comentar
Compartilhar
04 DEZ 201214h27

A diretoria do Sindicato dos Bancários de Santos e Região e os bancários vão paralisar todas as 15 agências do Santander existentes em Santos, nesta quarta-feira (05), por 24 horas, contra as demissões em massa que estão ocorrendo em todo o país. 

Na segunda-feira, 03 de dezembro, a diretoria do Santander demitiu de uma vez só 19 funcionários na Baixada Santista. Em todo o Brasil já foram cerca de 2.000 bancários e segundo informações o número pode chegar a 5.000 dispensados até sexta-feira (07). A informação é do Sindicato dos Bancários de Santos e Região.
 
Ainda de acordo com o sindicato, os bancários estão parando agências em várias cidades do país protestando contra as demissões em massa e exigindo a reintegração de todos os funcionários desligados. O movimento sindical já cobrou uma negociação com o banco, mas até o momento não obteve retorno.
 
A paralisação é a primeira resposta diante da onda de dispensas que foi deflagrada pelo banco que começaram na semana passada e estourou com mais de 1.000 somente na segunda (03).

De acordo com o sindicato, os bancários estão parando agências em várias cidades do país (Foto: Luiz Torres/DL)