SEDUC

'Temos de melhorar muito para conseguir a vaga', avalia Muricy

"Nosso time tem técnica, mas não tem penetração. Isso vale para qualquer campeonato. É preciso entrar mais na área e agredir o adversário. Fizemos muito pouco", lamentou

Comentar
Compartilhar
19 FEV 201512h29

O técnico Muricy Ramalho reconheceu a superioridade do Corinthians na vitória por 2 a 0, nesta quarta-feira, mas criticou duramente a atuação do São Paulo na estreia da Libertadores. "Temos de melhorar muito para conseguir a vaga. Nosso time tem técnica, mas não tem penetração. Isso vale para qualquer campeonato. É preciso entrar mais na área e agredir o adversário. Fizemos muito pouco", lamentou o treinador.

O São Paulo teve muitas dificuldades no início do jogo, principalmente nos primeiros 15 minutos, quando foi sufocado e praticamente não passou a linha de meio-campo. Só melhorou a partir do fim do primeiro tempo. Mesmo assim, só incomodou o rival nos escanteios. "Nós tivemos apenas um teste contra o Santos e o time não foi bem. Por isso, decidi mudar um pouco, mas não deu resultado. Colocamos dois atacantes mais a chegada do Ganso, mas não surtiu efeito", disse Muricy.

Muricy Ramalho criticou duramente a atuação do São Paulo na estreia da Libertadores (Foto: Divulgação/SPFC)

O treinador também decidiu escalar Michel Bastos como lateral, sacando Reinaldo da equipe. No meio, Maicon ganhou o lugar. Embora estivesse equilibrado, faltou poder ofensivo ao time, que voltou a mostrar o problema que o treinador havia identificado nos primeiros jogos da temporada.

Na sequência da Libertadores, o São Paulo vai fazer duas partidas em casa. A primeira será dia 25, contra o Danubio, teoricamente, o time mais fraco da chave e, em seguida, o San Lorenzo, atual campeão do torneio.