Esportes

Com goleada na Vila, Santos vence o Guarani e reassume liderança da Série B

Foi o segundo dos três jogos sem público na Vila

Folhapress

Publicado em 06/05/2024 às 23:14

Atualizado em 06/05/2024 às 23:29

Comentar:

Compartilhe:

Alvinegro praiano foi a nove pontos e passou o Sport para assumir a ponta pelo saldo de gols por 7 a 4 / Raul Baretta/Santos FC

Na noite desta segunda-feira (6), o Santos venceu o Guarani por 4 a 1, na Vila Belmiro e voltou para a liderança da Série B.

Guilherme, Pituca, Morelos e Giuliano fizeram os gols do Peixe, dois em cada tempo. Caio Dantas, de pênalti, descontou na segunda etapa.

O Alvinegro praiano foi a nove pontos e passou o Sport para assumir a ponta pelo saldo de gols por 7 a 4. Já o Guarani segue zerado após três rodadas e caiu para a lanterna.

Foi o segundo dos três jogos sem público na Vila. O clube da Baixada Santista ainda terá mais uma partida com mandante com portões fechados, antes do retorno parcial, devido aos episódios que ocorreram no jogo do rebaixamento, contra o Fortaleza.

O próximo jogo do Peixe será no sábado (11), contra o Amazonas, fora de casa, pela próxima rodada do campeonato. O Guarani, por sua vez, recebe o Botafogo-SP no mesmo dia.

Curiosidade: Patrick fez a sua estreia pelo Santos. Ele entrou no decorrer do primeiro tempo e somou seus primeiros minutos pelo novo time.

COMO FOI O JOGO

O Guarani começou mais intenso que o time da casa e por pouco não abriu o placar aplicando a 'Lei do Ex'. O Peixe controlava as ações, mas sem conseguir ser incisivo diante de um adversário bem postado, e viu Luan Dias acertar o travessão na primeira (e única) chance dos visitantes na partida.

O Santos melhorou e contou com a qualidade de seus jogadores para abrir 2 a 0 na etapa inicial. Guiherme e Pituca estufaram a rede com chutaços, os primeiros do time ao gol do Guarani. As duas jogadas começaram pelos pés de João Schmidt e aproveitaram as brechas que não apareciam na defesa do oponente.

Os comandados por Carille ampliaram o domínio na volta do intervalo, decretaram a goleada e o Guarani ainda fez o "gol de honra" de pênalti — foi o primeiro gol sofrido pelo Santos no torneio. Morelos voltou a marcar após seis jogos, e Giuliano, que já havia dado uma assistência, também deixou o dele na partida.

GOLS E DESTAQUES

Quase Lei do Ex: Aos 21 minutos do primeiro tempo, o Guarani teve um escanteio pela direita, a bola sobrevoou a área e sobrou para Luan dias no segundo pau. Ex-Santos, o meia emendou um chute à queima-roupa e carimbou o travessão.

1x0: Aos 32', João Schmidt recebeu na intermediária e tocou para Giuliano, que abriu na esquerda. Guilherme dominou e mandou uma bomba cruzada para estufar a bochecha da rede.

2x0: Aos 39', João Schmidt ficou com a sobra fora da área e ajeitou para Pituca. O capitão santista calibrou o pé e fez um golaço par ampliar.

Gol do Santos anulado: Aos 43, Morelos mandou cruzamento rasteiro, Guilherme não conseguiu dominar e a defesa afastou mal. Gil estava ligado no meio da área, bateu girando e acertou o cantinho. No entanto, a jogada foi anulada por impedimento do zagueiro no início da jogada após revisão de mais de quatro minutos.

3x0: Aos 9' do 2º tempo, Morelos recebeu na área, dominou e rolou para Pituca, que chutou de fora. O goleiro espalmou, mas o atacante colombiano aproveitou o rebote para estufar a rede.

4x0: Aos 16', Giuliano lançou Guilherme na esquerda, que invadiu a área e cruzou para trás. O próprio camisa 20 recebeu, dominou e bateu de chapa para fazer o quarto.

Pênalti e 4x1: Aos 25', Gil dominou errado na área e JP Chermont derrubou Chay na disputa pela bola. Caio Dantas foi para a cobrança, bateu alto e diminuiu. João Paulo acertou o lado, mas não conseguiu espalmar. Vitória sem sufoco.

Estádio: Vila Belmiro, em Santos

Data e horário: 6 de maio de 2024, às 21h

Árbitro: Paulo Belence Alves

Assistentes: Fabricio Vilarinho da Silva e Karla Renata Cavalcanti

VAR: Rodrigo Nunes de Sá

Amarelos: Escobar

Gols: Guilherme, aos 32'/1ºT, Pituca, aos 39'/1°T, Morelos, com 10'/2ºT, Giuliano, aos 16'/2ºT, e Caio Dantas, aos 28'/2ºT

SANTOS

João Paulo; JP Chermont, Gil, Joaquim e Escobar (Hayner); João Schmidt (Rincón), Diego Pituca e Giuliano (Cazares); Otero (Patrick), Morelos (Willian Bigode) e Guilherme. T.: Fábio Carille

GUARANI

Douglas Borges; Diogo Mateus (Heitor), Léo Santos (Kayque), Lucas Adell e Jefferson; Camacho, Matheus Bueno (João Victor), Luan Dias (Chay) e Airton (Marlon); Caio Dantas e Douglas Bacelar. T.: Júnior Rocha

VEJA TAMBÉM

ÚLTIMAS

Nacional

Litoral de SP é cenário perfeito para avistamento de baleias; veja praias e regras

Segundo o Ministério do Turismo, a prática atrai, aproximadamente, dez mil turistas por ano e movimenta cerca de R$ 3 milhões

Bertioga

Com custeio do Estado, Hospital de Bertioga atenderá todo Litoral de SP

Governador visitou as obras do novo complexo hospitalar e confirmou o compromisso do governo estadual

©2024 Diário do Litoral. Todos os Direitos Reservados.

Software

Newsletter