Após treinos com chuva em SP, Massa lembra Senna: “foi um rei”

Nos treinos realizados nesta sexta-feira, o piloto brasileiro não mostrou a mesma destreza do antigo ídolo

Comentar
Compartilhar
22 NOV 201319h22

Os dois primeiros treinos livres para o Grande Prêmio do Brasil, realizados nesta sexta-feira, foram marcados pela chuva no Autódromo de Interlagos. Único representante do País na Fórmula 1, Felipe Massa lembrou o ídolo Ayrton Senna, famoso por conseguir bons resultados em condições adversas.

“O Senna foi um rei no automobilismo. Pelo que fez, foi realmente um rei. O que o Pelé foi e representou para o futebol, o Senna representou para a Fórmula 1 e para o automobilismo”, declarou Felipe Massa ao final do segundo treino livre em São Paulo.

Tricampeão mundial, Ayrton Senna, então na Williams, morreu um acidente no ano de 1994, em Ímola. Assim como Felipe Massa, ganhador em 2006 e 2008, ele venceu o Grande Prêmio do Brasil duas vezes, em 1991 e 1993, a última com chuva em Interlagos.

Nos treinos realizados nesta sexta-feira, Massa não mostrou a mesma destreza do antigo ídolo. Depois de terminar a primeira sessão na 11ª colocação, o brasileiro foi o sétimo na segunda atividade. Em função das condições climáticas adversas, ele preferiu não se expor.

O piloto brasileiro Felipe Massa, da equipe Ferrari, participa da primeira sessão de treinos livres para o Grande Prêmio do Brasil (Foto: Márcio Fernandes/Estadão Conteúdo)

“Foram treinos complicados, sempre com chuva e a pista bem molhada. A gente andou pouco, não quisemos usar muito os pneus. A previsão é de chuva para sábado e domingo, então não seria ideal destruir os pneus hoje. É difícil ter uma noção de como vai ser o fim de semana. Temos que estar preparados para tudo”, disse.

Na prova deste domingo, Massa se despede da Ferrari depois de oito temporadas como piloto titular – foram 11 vitórias e 15 poles em 138 corridas. Na última corrida, o futuro piloto da Williams disputará o Grande Prêmio do Brasil com capacete e macacão especiais.

“Eu preparei o capacete todo vermelho para a Ferrari. Tem tudo a ver com o que passamos juntos. Mas o macacão foi uma surpresa para mim. Quando cheguei, ele já estava assim. Vou guardar o que usar no domingo como recordação”, afirmou Massa sobre o traje pintado nas cores verde, amarelo azul e branco.

O terceiro e último treino livre para o Grande Prêmio do Brasil, etapa que fecha o campeonato, será realizado às 11 horas (de Brasília) deste sábado. Já a tomada de tempos classificatória para definir o grid de largada está marcada para as 14 horas, mesmo horário da corrida, no domingo.