Câmara de Praia Grande debate tratamento de esgoto para reuso de água

Proposta também sugere a possibilidade da dessalinização da água do mar, tornando-a própria para o consumo

Comentar
Compartilhar
04 MAR 201519h10

Os vereadores praiagrandenses aprovaram o Requerimento nº 73/15, direcionado à Sabesp, durante a sessão da última segunda-feira (02). A proposta traz questionamentos à concessionária quanto ao tratamento de esgoto para reuso de água no Município. A proposta de autoria do presidente da Casa, vereador Roberto Andrade e Silva, o Betinho (PMDB), também sugere a possibilidade da dessalinização da água do mar, tornando-a própria para o consumo.

O autor da proposta toma como base o projeto de reciclagem de água que já existe em Israel. No país são reciclados 80% do esgoto, além da dessalinização, que garante mais 25% do consumo. “Lá, as usinas são construídas e operadas pelo setor privado e após um período são entregues ao governo ou o contrato é renovado”, explicou Betinho.

Ainda tomando Israel como exemplo, o presidente da Casa ressaltou a questão do desperdício. Com um sistema de controle instalado no local, há perda de 5% a 10% da água. “Se compararmos com São Paulo, os números são alarmantes. Em nosso Estado o desperdício está em 34,3%”.

Medida está relacionada à crise hídrica (Foto: Divulgação)