Santos

Ataques de tropas sírias matam 5 civis nos arredores de Damasco

Também foram registrados confrontos entre a Legião da Misericórdia e a Organização para Libertação do Levante, liderada pela ex-filial da Al Qaeda na Síria, contra soldados de Al Assad na região de Harasta.

Comentar
Compartilhar
28 JAN 2018Por Agência Brasil17h23

Cinco civis morreram e outros cinco ficaram feridos neste domingo (28) em um ataque de artilharia das tropas leais ao presidente da Síria, Bashar al Assad, contra Ghouta Oriental, nos arredores de Damasco. O ataque ocorreu, apesar de um cessar-fogo na região. As informações são da Agência EFE.

O Observatório Sírio de Direitos Humanos afirmou que entre as vítimas há uma mulher e uma criança, que morreram na cidade de Duma. Agora, já são oito civis mortos desde o início do cessar-fogo, que começou meia-noite de sexta-feira (26), com mediação da Rússia.

Também foram registrados confrontos entre a Legião da Misericórdia e a Organização para Libertação do Levante, liderada pela ex-filial da Al Qaeda na Síria, contra soldados de Al Assad na região de Harasta.

A Legião da Misericórdia e o Exército do Islã estabeleceram um cessar-fogo com o governo, com mediação da Rússia, aliada de Al Assad. Como condição, a oposição estabeleceu a chegada de ajuda humanitária na região e deu como prazo máximo um período de 48 horas para que isso ocorresse.

A Organização para a Libertação do Levante, que também atua em Ghouta Oriental, foi incluída na trégua de forma informal.

No entanto, o Observatório vem registrando violações do cessar-fogo desde sua entrada em vigor.

Colunas

Contraponto