Banner gripe

Fernando Haddad anuncia o nome de mais sete secretários

O anúncio dos nomes foi realizado na tarde desta quarta-feira na sede do governo de transição

Comentar
Compartilhar
28 NOV 201223h26

O prefeito eleito de São Paulo, Fernando Haddad (PT), confirmou nesta quarta-feira (28) o nome de sete secretários que irão integrar o primeiro escalão de sua administração. Foram anunciados os nomes dos titulares das pastas de Relações Governamentais, Subprefeituras, Assistência e Desenvolvimento Social, Desenvolvimento Econômico, Promoção da Igualdade Racial, Pessoa com Deficiência e Mobilidade Reduzida e Verde e Meio Ambiente.

A advogada Luciana Temer (PMDB), filha do vice-presidente Michel Temer (PMDB), será a próxima secretária de Assistência e Desenvolvimento Social. Ela foi secretária estadual de Juventude, Esporte e Lazer durante a primeira administração de Geraldo Alckmin (PSDB), entre 2001 e 2002. Para a pasta de Pessoa com Deficiência e Mobilidade Reduzida foi escolhida a candidata derrotada a vice de Gabriel Chalita (PMDB), Marianne Pinotti. Ela é médica e já foi secretária municipal da Saúde em Ferraz de Vasconcelos.

Os petistas João Antônio e Chico Macena irão assumir as pastas de Relações Governamentais e Coordenação de Subprefeituras, respectivamente. João Antônio é deputado estadual e foi líder do governo de Marta Suplicy (PT). Macena é vereador, mas não conseguiu reeleger-se.

O vereador Netinho de Paula (PCdoB) foi escolhido para comandar a pasta de Igualdade Racial. Ele é vereador e foi reeleito no último pleito. Em seu lugar na Câmara, entrará o ex-ministro dos Esportes Orlando Silva (PCdoB). O vereador Eliseu Gabriel (PSB) foi escolhido para chefiar a pasta de Desenvolvimento Econômico. Seu suplente será o petista Alessandro Guedes. Com isso, o PT mantém os 11 vereadores eleitos na sua bancada, já que o vereador reeleito Antonio Donato assumiu a secretaria de Governo e em seu lugar vai entrar Wadih Mutran (PP).

O vereador mais votado da cidade, Roberto Tripoli (PV), será o novo secretário de Verde e Meio Ambiente. Em seu lugar, entra Abou Anni (PV). Com isso, a bancada verde se mantém com quatro vereadores.

Este é o terceiro anúncio de secretariado durante o período de transição (Foto: Divulgação)

O anúncio dos nomes foi realizado na tarde desta quarta-feira na sede do governo de transição, no prédio da Caixa Econômica Federal, na região central.

Em nota emitida pela assessoria de imprensa do futuro prefeito, a equipe de Haddad ressaltou que a secretaria de Promoção da Igualdade Racial será criada em uma "nova estrutura administrativa da Prefeitura, conforme compromisso de campanha". "Outra modificação é a extinção da Secretaria Especial do Microempreendedor Individual, cujas competências serão absorvidas pela Secretaria de Desenvolvimento Econômico e do Trabalho", disse a nota.

Este é o terceiro anúncio de secretariado durante o período de transição. Em 14 de novembro, Haddadanunciou os deputados federais José de Filippi Jr. (PT) e Jilmar Tatto (PT) para chefiar as pastas de Saúde e Transportes, respectivamente. Antes disso, em 12 de novembro, ele anunciou a indicação de Antonio Donato (Governo), Leda Paulani (Planejamento), Luís Fernando Massonetto (Negócios Jurídicos), Marcos Cruz (Finanças) e Fernando de Mello Franco (Desenvolvimento Urbano).

Colunas

Contraponto