Recepcionista é presa em Praia Grande com carga de cigarros roubada

Acusada disse que comprou carga, avaliada em mais de R$ 6,5 mil, por R$ 500,00, para revenda

Comentar
Compartilhar
05 SET 2019Por Gilmar Alves Jr.14h06
A carga foi recuperada após rastreamento em uma casa de fundos no bairro Solemar IIFoto: Divulgação/Polícia Civil

Policiais da Delegacia de Investigações Gerais (DIG) de Santos recuperaram uma carga de cigarros roubada e prenderam em flagrante, por receptação, uma recepcionista de 43 anos em uma casa de fundos no Solemar II, em Praia Grande. O assalto e a prisão ocorreram, respectivamente, na manhã e na tarde de terça-feira (3).

Sob o comando do delegado titular da DIG, Luiz Ricardo de Lara Dias Júnior, e do investigador-chefe, Paulo Carvalhal, os policiais localizaram a carga ao analisarem informações do serviço de rastreamento da fabricante de cigarros. O serviço indicava que parte das mercadorias estava na casa da mulher, que fica na Rua Marlene Figueroa.

Ao chegarem ao endereço, os investigadores avistaram pela janela da casa de fundos duas caixas de papelão de grande porte com diversos pacotes de cigarro.

Os policiais abordaram a moradora e localizaram 942 maços de cigarro, além 18 isqueiros e 16 embalagens de doces. As mercadorias estão avaliadas em mais de R$ 6,5 mil.

Confissão

A recepcionista admitiu que comprou a carga de “dois desconhecidos” por R$ 500,00 com o objetivo de revenda.

O delegado Leonardo José Piccirillo autuou a mulher por receptação qualificada e determinou a remoção dela à cadeia.

 

Colunas

Contraponto