X
Polícia

Agente da GCM é encontrado morto em sua residência em Guarujá

O caso segue em investigação devido aos ferimentos no joelho, testa e nuca. A Polícia considera se tratar de um homicídio

Os moradores que passavam pelo local encontraram o corpo rodeado de sangue e logo acionaram as autoridades / Reprodução/ Plantão Guarujá

Um guarda municipal, de 55 anos, foi encontrado morto na garagem de sua casa, no Morrinhos 3, em Guarujá, na noite de quinta-feira (21). A Polícia informou que ele tinha ferimentos na cabeça e, por isso, o caso está sendo tratado como homicídio.

A morte teria ocorrido por volta de 20h. Os moradores que passavam pelo local encontraram o corpo rodeado de sangue e logo acionaram as autoridades. 

Faça parte do grupo do Diário no WhatsApp e Telegram.
Mantenha-se bem informado.

De acordo com a Polícia Civil, o guarda municipal lutava contra comorbidades e chegou a sofrer um acidente vascular cerebral (AVC). Entretanto, análises da Perícia diante dos ferimentos no joelho, testa e nuca constataram uma provável causa externa na morte. 

Em nota, a Prefeitura de Guarujá informou que o guarda era membro da primeira turma da GCM e fazia parte da corporação há 21 anos. Em setembro ele se afastou do cargo por motivos de saúde.

O corpo do homem foi encaminhado para o Instituto Médico Legal (IML) de Praia Grande para o exame necroscópico. A ocorrência foi registrada na Delegacia Sede de Guarujá como homicídio e segue em investigação.

Deixe a sua opinião

VEJA TAMBÉM

ÚLTIMAS

Mundo

Professor usa plataforma pornô para dar aulas de matemática

O taiwanês trabalhava há tempos no mercado de cursinhos, um ramo milionário em uma região marcada pela competitividade no ambiente educacional

Cotidiano

Semana terá clima maluco, por isso, leve guarda-chuva, protetor solar, casaco, para-raio e um bote

Clima indeciso marcará últimos dias de novembro

©2021 Diário do Litoral. Todos os Direitos Reservados.

Layout

Software