Ricardo Oliveira sente dores no joelho e não treina; Valencia é dúvida

Neste sábado, o centroavante deve ir a campo após realizar tratamento fisioterapêutico no Cepraf

Comentar
Compartilhar
17 ABR 201519h42

Marcelo Fernandes comprovou sua predileção por treinamentos fechados. Nesta sexta-feira, não foi diferente. A imprensa mais uma vez não pôde acompanhar a atividade da equipe santista no CT Rei Pelé. Entretanto, a assessoria do clube confirmou as ausências de Ricardo Oliveira e Valencia no treino.

O camisa 9 sente dores no joelho direito e foi preservado. Neste sábado, o centroavante deve ir a campo após realizar tratamento fisioterapêutico no Cepraf.

"Ricardo apresentou um incomodo. Preferimos deixar lá dentro. Como não íamos fazer nada especial, está tudo tranquilo", tranquilizou o treinador do Peixe, refutando a possibilidade de perder seu artilheiro para a semifinal deste domingo, contra o São Paulo.

Outra baixa no trabalho desta sexta foi o volante Valencia. O colombiano sofreu uma pancada também no joelho direito e não apareceu no gramado. Caso não reúnam condições de jogo, Gabriel e Lucas Otávio devem ser os substitutos imediatos, respectivamente. No entanto, a tendência é que ambos sejam liberados para o San-São que será disputado à partir das 18h30, na Vila Belmiro.

Ricardo Oliveira não treinou, mas não deve desfalcar o Santos (Foto: Divulgação/Santos FC)

Enquanto isso, Robinho, Renato e David Braz, que ainda levavam preocupação à comissão técnica devido à lesões recentes, comprovaram que estão totalmente recuperados e vão para o jogo. Mesmo assim, Marcelo Fernandes não confirmou o time que vai a campo.

"Não posso dar escalação. Tem jogadores que treinaram e estão sob observação. Temos uma possibilidade boa de contar com todos. As presenças de Robinho, Renato e David Braz vão depender de uma série de coisas, tem que aguardar. Se puder, darei o time amanhã (sábado)", avisou.

Neste sábado, novamente sem a presença da imprensa, o Peixe faz o último trabalho técnico antes da decisão de domingo.