Carille estreia pelo Santos em confronto direto contra o rebaixamento

Os jogadores vão usar uma camisa com um selo em comemoração aos 65 anos da estreia e do primeiro gol do Rei do Futebol pelo time alvinegro, em 7 de setembro de 1956

Comentar
Compartilhar
10 SET 2021Por Folhapress22h18
Técnico Fábio Carille estreia no próximo sábado (11) contra o BahiaTécnico Fábio Carille estreia no próximo sábado (11) contra o BahiaFoto: Divulgação

O Santos estreia neste sábado (11) seu terceiro técnico nesta temporada. A nova aposta é Fábio Carille, 47, que chega com a missão de afastar a equipe da zona de rebaixamento do Brasileiro. O primeiro desafio será contra o Bahia, na Vila Belmiro.

Neste confronto, a equipe santista fará uma homenagem a Pelé. Os jogadores vão usar uma camisa com um selo em comemoração aos 65 anos da estreia e do primeiro gol do Rei do Futebol pelo time alvinegro, em 7 de setembro de 1956.

Aos 80 anos, o ídolo está internado no hospital Albert Einstein desde o último dia 31. Ele passou por uma cirurgia para a retirada de um tumor no cólon e, segundo o último boletim médico, divulgado nesta sexta (10), ele "vem se recuperando de maneira satisfatória, encontra-se consciente, conversando ativamente e mantendo sinais vitais dentro da normalidade. Permanece na Unidade de Terapia Intensiva."

A conta oficial de Pelé no Instagram também divulgou mensagem. "Meus amigos, a cada dia que passa eu me sinto um pouco melhor. Estou ansioso para voltar a jogar, mas ainda vou me recuperar por mais alguns dias. Enquanto estou por aqui, aproveito para conversar muito com minha família e para descansar. Obrigado novamente por todas mensagens de carinho. Logo mais estaremos juntos novamente!"

Carille substitui Fernando Diniz, 47, após o treinador não resistir à sequência de seis duelos seguidos sem vitórias, período no qual o clube foi eliminado da Sul-Americana e se aproximou da parte vermelha da tabela do Nacional –na 14ª posição, soma 22 pontos, um a mais do que o Bahia, na 16ª.

Desde o início tem sido uma temporada difícil para o Santos. Diniz assumiu o time na reta final do Estadual no lugar do argentino Ariel Holan. A equipe precisou lutar até a última rodada da fase de grupos para evitar seu primeiro descenso no torneio.

 

OS TIMES

A principal novidade do Santos é o retorno de Marinho. O atacante treinou normalmente durante a semana e está recuperado de uma lesão no reto femoral -na coxa esquerda- que causou um considerável hematoma. Apesar de ter sido reintegrado, o atacante precisa recuperar a parte física, pois ficou mais de um mês parado.

Com isso, Marinho deve começar a partida entre os reservas. Marcos Guilherme e Lucas Braga serão os ponteiros do time que agora é dirigido por Fábio Carille.

O zagueiro Luiz Felipe e o lateral direito Madson ainda não estão à disposição de Carille. A dupla, que também treinou com o grupo ao longo da semana, segue se recuperando fisicamente.

A novidade na nova equipe que vai a campo é a saída de Jean Mota. O jogador vinha atuando como volante no time de Fernando Diniz, mas foi sacado por Carille para a entrada de mais um jogador de extrema. Camacho, Carlos Sánchez e Gabriel Pirani formarão o meio-campo.

Contra o Bahia, o Santos tenta acabar com uma sequência de cinco partidas sem vitória no Brasileirão. Desde que bateu a Chapecoense por 1 a 0, no dia 1º de agosto, o Alvinegro empatou três vezes e perdeu duas. A última delas, para o Cuiabá, provocou a demissão de Fernando Diniz.

Com a troca de treinador, o Santos espera reagir no campeonato. A equipe entra na rodada em 14º lugar, com 22 pontos, apenas quatro acima da zona de rebaixamento.

O Bahia também está na parte de baixo da tabela, ocupando o 16º lugar, com 21 pontos. No entanto, o Tricolor vem de triunfo por 4 a 2 sobre o Fortaleza. Nessa partida, o colombiano Rodallega se destacou ao marcar os quatro gols.

 

SANTOS

João Paulo; Pará, Robson, Wagner Palha, Felipe Jonatan; Camacho, Carlos Sánchez, Gabriel Pirani; Marcos Guilherme, Léo Baptistão, Lucas Braga. T.: Fábio Carille

 

BAHIA

Mateus Claus; Nino Paraíba, Conti, Luiz Otávio, Juninho Capixaba; Lucas Araújo, Daniel, Lucas Mugni, Rodriguinho; Rossi, Rodallega (Gilberto). T.: Diego Dabove

Estádio: Vila Belmiro, em Santos (SP)

Horário: 21h (de Brasília) deste sábado (11)

Juiz: Paulo Cesar Zanovelli da Silva (MG)

VAR: Emerson de Almeida Ferreira (MG)

Transmissão: TNT e Premiere