Trecho do Canal 3 é bloqueado por 20 dias

De acordo com a Secretaria de Infraestrutura e Edificações (Siedi), o serviço corrigirá o nível da pista em relação à calçada

Comentar
Compartilhar
06 MAI 201411h14

Melhor mobilidade e maior segurança são as promessas da Prefeitura de Santos aos motoristas e pedestres que utilizam a Avenida Washington Luiz (canal 3) com as obras no sentido orla/Centro, entre as vias Vicente de Carvalho e Francisco Glicério, que começaram ontem. Serão pavimentados 2,8 km de extensão, com aplicação de 4,8 mil toneladas de massa asfáltica. O primeiro trecho deve ser liberado para o tráfego dentro de 20 dias.

O primeiro trecho em execução, que vai da praia à Rua Governador Pedro de Toledo, está com a pista interditada do lado esquerdo para demolição da sarjeta. A partir de amanhã (7), o bloqueio será total para retirada do restante do asfalto e da antiga base.

Em vistoria ao primeiro dia de trabalho, o prefeito Paulo Alexandre Barbosa explicou a necessidade de pavimentação naquele local. “A Washington Luiz é uma das vias com maior número de deslocamento de veículos todos os dias, com pico de 2.100 por hora no período da manhã. Quanto maior a circulação, maior a  deterioração e por isso a manutenção precisa ser mais efetiva”.

O primeiro trecho em execução, que vai da praia à Rua Governador Pedro de Toledo, está com a pista interditada do lado esquerdo para demolição da sarjeta (Foto: Divulgação PMS/ Isabela Carrari)

Benefícios

De acordo com a Secretaria de Infraestrutura e Edificações (Siedi), o serviço corrigirá o nível da pista em relação à calçada. A atual diferença entre ambos causa desconforto ao trânsito e dificuldade de construção das rampas de acessibilidade. Simultaneamente, será feita pintura de guias e poda de árvores.

A Prefeitura prevê a liberação de tráfego no primeiro trecho dentro de 20 dias. Está sendo investido o valor total de R$ 1,8 milhão no serviço.

Aparecida

Também ontem (5), a Prefeitura começou os serviços de pavimentação na Avenida Epitácio Pessoa, entre os canais 5 e 6, com início da raspagem do asfalto para posterior pavimentação. No local, a interdição será apenas parcial.