Jornalistas franceses são mortos no Mali, diz jornal

Eles foram sequestrados em Kidal por um grupo armado. A informação foi confirmada pelo Ministério das Relações Exteriores da França

Comentar
Compartilhar
02 NOV 201320h06

Dois jornalistas franceses da Rádio France Internationale (RFI), que tinham sido sequestrados neste sábado em Kidal, no norte do Mali, foram mortos, informou o jornal francês Le Monde, citando um prefeito da região, forças de segurança do país e fontes tuaregues do Movimento Nacional de Libertação do Azauade (MNLA). A informação foi confirmada pelo Ministério das Relações Exteriores da França.

"Claude Verlon e Ghislaine Dupont, jornalistas da RFI foram encontrados mortos no Mali", afirmou o ministério em um comunicado. "Eles foram sequestrados em Kidal por um grupo armado" e "os serviços do governo francês, em conjunto com as autoridades do Mali, estão fazendo todos os esforços para que sejam esclarecidas as circunstâncias das suas mortes o mais breve possível" acrescentou o comunicado, segundo o jornal.