É FAKE: Prefeituras e Governo do Estado desmentem fake news sobre vacinação por ordem alfabética

O Governo do Estado de São Paulo e as prefeituras da Baixada Santista desmentiram o boato virtual

Comentar
Compartilhar
23 MAR 2020Por Vanessa Pimentel12h12
A partir desta segunda-feira (23), as doses serão aplicadas em idosos (pessoas com 60 anos ou mais) e profissionais de saúde.Foto: Divulgação

O Governo do Estado de São Paulo e as prefeituras da Baixada Santista desmentiram o boato virtual de que as vacinas contra a gripe seriam aplicadas por ordem alfabética. No domingo (22), o governo emitiu nota esclarecendo que a mensagem repassada via WhatsApp era mais uma fake news. As prefeituras também reforçam que todas as informações da ação podem ser conferidas em seus canais de comunicação, como site e páginas oficiais nas redes sociais. 

A partir desta segunda-feira (23), as doses serão aplicadas em idosos (pessoas com 60 anos ou mais) e profissionais de saúde. Não há cronograma por ordem alfabética e todos os que que forem desses grupos podem se vacinar nesta primeira etapa.

A segunda etapa da imunização, que começa em 16 de abril, incluirá professores, agentes de forças de segurança e salvamento e portadores de doenças crônicas não transmissíveis e de outras condições clínicas – diabéticos e hipertensos, por exemplo.

Já a terceira etapa tem início em 9 de maio (sábado), abrangendo crianças de 6 meses a 6 anos, gestantes, puérperas, adolescentes e jovens sob medida socioeducativa, funcionários do sistema prisional e adultos com idades entre 55 e 59 anos.

*Etapas Oficiais da campanha de 2020*

Etapa 1: a partir de 23 de março, para idosos acima de 60 anos e trabalhadores da saúde;

Etapa 2: a partir de 16 de abril para professores, forças de segurança e salvamento e portadores de doenças crônicas, comorbidades e outras condições clínicas especiais;

Etapa 3: a partir de 9 de maio, para crianças com idade maior que 6 meses e menor que 6 anos, gestantes, puérperas (até 45 dias após o parto), e outros;

Dia de D: 9 de maio, para todos os grupos do público-alvo, incluindo pessoas acima de 55 anos.