X
Polícia

Santos: mulher acusa motorista da Uber de se masturbar durante uma corrida

Ela relata que imediatamente informou o caso à Uber e questionou sobre as providências que a empresa tomaria, mas não obteve retorno

Santos: mulher acusa motorista do Uber de se masturbar durante uma corrida / Reprodução

Um motorista começou a se masturbar enquanto dirigia, durante uma viagem por aplicativo em Santos. Revoltada com a cena, a passageira, de 67 anos, gritou e saiu do carro. Ela denunciou o caso a Polícia Civil e a Uber desativou a conta do acusado na plataforma.

Assim que o veículo parou em um semáforo, a vítima aproveitou para fugir e desembarcar em segurança. Ela relata que imediatamente informou o caso à Uber e questionou sobre as providências que a empresa tomaria, mas não obteve retorno.

O episódio ocorreu no último domingo (27) e a mulher não teve retorno da empresa até a manhã de quarta-feira (2). O caso foi registrado como importunação sexual no 7º DP de Santos.  
 
Empresa

A Uber afirmou que repudia qualquer tipo de comportamento abusivo contra mulheres e ressaltou que acredita na importância de combater e denunciar casos de assédios e violência. A empresa disse também que a conta do motorista parceiro foi desativada da plataforma, e que está à disposição das autoridades para colaborar com a investigação.   

Faça parte do grupo do Diário no WhatsApp e Telegram.
Mantenha-se bem informado.

Deixe a sua opinião

VEJA TAMBÉM

ÚLTIMAS

Praia Grande

Caminhada da Adoção pretende mobilizar pessoas e informar sobre o tema

Evento acontecerá no dia 10 de julho, na praia do Bairro Canto do Forte, em Praia Grande

Educação

Bertioga abre matrículas para Educação de Jovens e Adultos

As aulas iniciam no segundo semestre, de segunda a sexta-feira, das 19 às 22h30

©2021 Diário do Litoral. Todos os Direitos Reservados.

Software