X
Polícia

Esconderijo com material de caça ilegal é destruído por força-tarefa na Área Continental de Santos 

A ação, que visa coibir o uso e ocupação irregular do solo, está sendo realizada em diversas áreas da Cidade

Esconderijo com material de caça ilegal é destruído por força-tarefa na Área Continental de Santos  / Foto: Prefeitura de Santos

Dois barracos que serviam de esconderijo para caçadores e uma série de armadilhas para a captura de animais foram destruídos por uma força-tarefa realizada pela Guarda Civil Municipal de Santos (GCM), em conjunto com a Polícia Militar Ambiental, no Vale do Quilombo (Área Continental da Cidade), na última sexta-feira (10).

Faça parte do grupo do Diário no WhatsApp e Telegram.
Mantenha-se bem informado.

A ação, que visa coibir o uso e ocupação irregular do solo, está sendo realizada em diversas áreas da Cidade.

A força-tarefa foi realizada em dois pontos do bairro com o auxílio de um drone, que localizou as construções irregulares em meio à mata. Quando as equipes chegaram, constataram que eram esconderijos de caçadores pela quantidade de armadilhas, ferramentas e armamentos guardados. Além das construções, que foram destruídas, as equipes ainda apreenderam itens como cartuchos de espingarda, pólvora, projéteis, enxadas, facas, alicates, entre outros objetos. Os caçadores ainda não foram localizados.

A ação contou com a participação de sete guardas municipais e três policiais ambientais, além do apoio da Subprefeitura da Área Continental e da Secretaria Municipal de Meio Ambiente (Semam).

 

Deixe a sua opinião

VEJA TAMBÉM

ÚLTIMAS

Polícia

Casal de Guarujá perde mais de R$ 1.000 após cair no golpe do ovo

A vítima também relatou que o marido chegou a ligar para amigos policiais e, segundo eles, por volta de 13h40 o carro foi avistado por um radar de inteligência em Praia Grande, onde eles teriam aplicado o golpe em outra vítima

POLÍTICA

Entrevista: Príncipe Luiz Philippe de Orleans e Bragança quer 'Constituição Libertadora'

Luiz Philippe de Orleans e Bragança, descendente de D. Pedro I, conversou com o Diário do Litoral sobre seu novo livro

©2021 Diário do Litoral. Todos os Direitos Reservados.

Software