CRIME

PG: Polícia Civil identifica suspeito de tentativa de latrocínio contra PM

A vítima estava na porta da residência conversando com vizinhos quando o suspeito, valendo-se de uma arma de fogo, tentou subtrair os bens das vítimas

Da Reportagem

Publicado em 13/04/2022 às 18:00

Comentar:

Compartilhe:

O suspeito efetuou disparos contra a vítima, vindo a atingi-lo na perna / Reprodução

Policiais do 3º Distrito Policial de Praia Grande conseguiram identificar e prender um homem de 25 anos suspeito de participar da tentativa de latrocínio contra uma policial militar de folga, na noite do dia 11 de março de 2022, em Praia Grande.

Faça parte do grupo do Diário no WhatsApp e Telegram.
Mantenha-se bem informado.

A vítima estava na porta da residência conversando com vizinhos quando o suspeito, valendo-se de uma arma de fogo, tentou subtrair os bens das vítimas. Imediatamente o policial militar percebeu a ação delituosa e sacou sua arma de fogo a fim de repelir a injusta agressão. 

O suspeito efetuou disparos contra a vítima, vindo a atingi-lo na perna. Mesmo ferido, o policial militar conseguiu disparar contra o autor, o qual fugiu em um veículo.

As investigações em curso desde o dia do crime conseguiram identificar o veículo e condutor. Coube ao Delegado de Polícia responsável pela investigação emitir um alerta referente às características descobertas do automóvel. 

Contando com o apoio da Polícia Militar, o suspeito foi encontrado e conduzido à Delegacia de Polícia. Ao fazer a análise das informações prestadas pelo conduzido, os investigadores descobriram que eram falsas, vindo a descobrir seu verdadeiro nome através da análise dos bancos de dados de inteligência policial.

Revelada a tentativa de fraude, os policiais civis pesquisaram a qualificação correta do suspeito e descobriram que ele havia fugido do sistema penitenciário em razão das condenações de crimes de roubos ocorridos anteriormente em Itanhaém.

Foi lavrada a captura desse procurado e conduzido ao sistema penitenciário em razão do mandado preteritamente expedido. Na manhã de hoje, o Delegado de Polícia representou por uma nova decretação de prisão cautelar em razão da descoberta de participação na tentativa de latrocínio contra o PM, sendo o pedido prontamente acolhido pelo Poder Judiciário.

Os policiais civis foram até o sistema penitenciário e deram cumprimento a essa nova ordem de segregação cautelar.

VEJA TAMBÉM

ÚLTIMAS

Esportes

Quanto vale o ouro? Saiba a premiação de cada medalha olímpica

Valor teve uma evolução de 40 % em comparação a Tóquio 2020

Cotidiano

Concurso da Prefeitura de Santos tem salários de até R$ 10 mil; veja vagas

As inscrições para o concurso público vão até o dia 18 de julho

©2024 Diário do Litoral. Todos os Direitos Reservados.

Software

Newsletter