Corona2

Suspeito de vender drogas no Boqueirão, em Santos, é preso com R$ 12 mil no Marapé

A captura, na noite de quarta-feira (18), foi feita por policiais da 1ª Delegacia da Deic regional

Comentar
Compartilhar
19 MAR 2020Por Gilmar Alves Jr.18h01
Policiais suspeitam que os R$ 12,5 mil seriam usados para aquisição de carregamento de maconhaFoto: Divulgação/Polícia Civil

Suspeito de vender maconha na Praça Joaquim Murtinho, no Embaré, um homem de 30 anos foi preso pela Polícia Civil na Rua Godofredo Fraga, no Marapé, durante a noite desta quarta-feira (18). Ele portava porções de droga e R$ 12,5 mil, o que leva a polícia a suspeitar que ele estava pronto para pegar um carregamento da droga no Marapé. 

A ação que resultou no flagrante foi resultado de uma investigação com diligências de campo anteriores, que possibilitaram a identificação do homem e a obtenção de uma fotografia dele em banco de dados. 

Nos últimos dias, o suspeito não estava sendo visto na Praça Joaquim Murtinho, mas os policiais da 1ª Delegacia de Polícia de Investigações Gerais da Deic (Divisão Especializada de Investigações Criminais) regional prosseguiram trabalhos para a localização dele e se depararam com o homem em uma bicicleta sob uma árvore no Marapé, às 19h40 de quarta. 

Assim que os policiais, sob o comando do delegado Luiz Ricardo de Lara Dias Júnior e do investigador-chefe, Paulo Carvalhal, se aproximaram, o suspeito tentou se desvencilhar do celular e tentou danificá-lo. 

O homem deu respostas evasivas sobre o motivo de estar no local e foi revistado. Em um dos bolsos dele, os investigadores recolheram quatro porções de maconha. Em outro bolso, diversas embalagens plásticas vazias, além do celular. Já na sacola que ele portava os policiais encontraram o dinheiro e documentos. 

Após a apreensão, ao ser novamente questionado ele disse que é usuário de drogas, mas não deu explicações sobre a grande quantidade de embalagens plásticas. Sobre a alta quantia que portava em espécie, disse que estava ali para comprar um carro com os R$ 12,5 mil, mas não soube dizer o modelo, ano ou dados do vendedor. 

O delegado Lara autuou o homem em flagrante, por tráfico de entorpecentes, e determinou a remoção dele à cadeia anexa ao 5º Distrito Policial (Bom Retiro).