PRF acha caminhão com mais de 2 mil garrafas de vinho argentino sem nota fiscal

Motorista e o passageiro teriam saído de Dionísio Cerqueira, em Santa Catarina, em direção a Guarulhos

Comentar
Compartilhar
05 MAI 2021Por Da Reportagem10h30
Carga de vinho estava escondida entre móveis dentro de caminhãoCarga de vinho estava escondida entre móveis dentro de caminhãoFoto: Divulgação / Polícia Rodoviária Federal

Durante fiscalização no km 525 da BR 116, em Barra Do Turvo, a Polícia Rodoviária Federal abordou nesta segunda-feira (3) um veículo conduzido por um homem que transportava no compartimento de carga do caminhão aproximadamente 2.200 garrafas de vinho de origem Argentina, sem notas fiscais. A mercadoria estava escondida atrás de móveis diversos.

O motorista e o passageiro teriam saído de Dionísio Cerqueira, em Santa Catarina, em direção a Guarulhos. Ele afirmou que o caminhão é de sua propriedade e que foi abordado por um argentino que lhe prometeu pagar R$ 10 mil pelo transporte dos vinhos, informou também que não viu carregarem seu veículo, mas sabia que continha vinho e os móveis de mudança para ludibriar a fiscalização.

Já o passageiro disse aos policiais que estava viajando junto para ajudar no descarregamento e revezar na condução do veículo, ele alegou que receberia R$ 1 mil.

A equipe realizou contato com a delegacia da Polícia Federal do município de Santos para encaminhamento do flagrante junto a autoridade responsável e o veículo ficou retido em decorrência do crime cometido.

Dessa forma, foi realizado o procedimento conforme orientação da autoridade policial, lacrando o compartimento de carga do veículo, no qual estavam armazenadas as caixas de vinho para posteriormente serem encaminhadas à Receita Federal pela 5ª Delegacia PRF de São Paulo.