Polícia Civil localiza imóveis utilizados como depósito de dinheiro e joias de organização criminosa em São Vicente

Os policiais apuraram que todo o material apreendido pertence a Jonas dos Santos Júnior (37 anos) que cumpre pena em regime fechado na Penitenciária de Lavínia.

Comentar
Compartilhar
26 OUT 2019Por Da Reportagem21h20
Foto: Divulgação/DEINTER-6

Policiais da Delegacia de Investigações Gerais de Santos (DIG) em cumprimento de mandados de busca e apreensão em imóveis localizados nos Municípios de Santos, São Vicente e Praia Grande apreenderam R$ 41.700,00 em dinheiro, um veículo Audi Q3, cadernos com anotações do tráfico de drogas da Região, 5 celulares comuns e 5 mini celulares, além de vários objetos valiosos como: anéis, relógio, barra de ouro, brincos, pulseiras, colares.

Os investigadores, nos últimos meses, diligenciaram para identificar esses imóveis utilizados pela organização criminosa alvo dessa operação. As informações obtidas pela equipe policial apontam que essas casas eram utilizadas para guardar valores oriundos do tráfico de drogas. 

Os policiais apuraram que todo o  material apreendido pertence a Jonas dos Santos Júnior (37 anos) que cumpre pena em regime fechado na Penitenciária de Lavínia. As investigações revelaram que Jonas continuava atuando no tráfico de drogas em São Vicente, valendo-se de sua esposa Simone Sousa Simões (39 anos) para realizar seus comandos. 

Simone está foragida e, juntamente com Jonas, são autores dos crime de participação em organização criminosa e lavagem de dinheiro.

Informações que auxiliem as investigações podem ser realizadas de maneira anônima pelo telefone 181 – DISQUE DENÚNCIA.