Acusado de matar a tia em SP é preso em Praia Grande

Nadir Rodrigues Santos, de 54 anos, foi assassinada a facadas e encontrada nua em casa, na Zona Leste da capital

Comentar
Compartilhar
06 DEZ 2019Por Gilmar Alves Jr.15h14
Nadir Rodrigues dos Santos foi morta em 7 de novembro; captura do sobrinho ocorreu nesta quinta-feira (5)Foto: Imagens: Reprodução

Acusado de matar a tia a facadas na Zona Leste de São Paulo, em 7 de novembro, Washington Silva de Assis, de 34 anos, foi detido pela Polícia Militar na tarde desta quinta-feira (5) em Praia Grande.

Uma informação anônima transmitida para a PM possibilitou a localização do procurado, que tinha contra si um mandado de prisão temporária. Ele foi abordado na Avenida Presidente Kennedy, na Vila Caiçara.

Os policiais conduziram o homem ao 2º DP de Praia Grande. “Fizemos uma pesquisa minuciosa e conseguimos constatar que realmente ele era procurado por este crime”, disse o investigador-chefe do distrito, Olívio Bento.

O crime

Nadir Rodrigues dos Santos, de 54 anos, era cozinheira e foi achada morta na casa onde morava. Ela estava despida e a polícia investiga se ela foi vítima de abuso sexual também.

Imagens de câmeras de monitoramento mostram Washington invadindo o imóvel e fugindo, cerca de 30 minutos depois, levando um televisor e uma sacola com outros objetos roubados da casa.

O inquérito sobre o caso corre pelo Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP).