Renato vive domingo de herói e destaca Victor Ferraz em gol salvador

Volante sentiu cãibras desde a metade do segundo tempo e permaneceu no gramado para decretar a vitória do Santos diante do Coritiba, na Vila Belmiro

Comentar
Compartilhar
22 MAI 2016Por Diário do Litoral15h00
Volante sentiu cãibras desde a metade do segundo tempo e permaneceu no gramado para decretar a vitória do Santos diante do Coritiba, na Vila BelmiroVolante sentiu cãibras desde a metade do segundo tempo e permaneceu no gramado para decretar a vitória do Santos diante do Coritiba, na Vila BelmiroFoto: Maurício de Souza

A manhã/tarde deste domingo foi pra lá de especial para o volante Renato. Com cãibras e dores na coxa desde a metade do segundo tempo, o experiente jogador atuou no sacrífico, teve que seguir firme e forte no gramado, já que o Santos tinha feito as três alterações, e foi recompensado com o gol da vitória contra o Coritiba, na Vila Belmiro.

Após o apito final, Renato fez questão de destacar a importância do lateral direito Victor Ferraz, que fez boa jogada pela ponta e o deixou na pinta para marcar aos 51 minutos do segundo tempo.

"Eu fui feliz. O Victor Ferraz também fez uma jogada espetacular e cruzou. Cabeceei sozinho. Era cãibra na parte posterior da coxa, na panturrilha, no adutor esquerdo (também da coxa). Acabei ficando porque não tinha mais como sair. Foi no sacrifício e fui feliz de fazer o gol – disse.

Mesmo se queixando de dores, o atleta tratou de tranquilizar a torcida e disse que, aparentemente, não tem lesão. Na visão do jogador, as cãibras se deram por um grande esforço em uma intensa manhã de sol em Santos.

"Quando está muito calor como hoje, acaba prejudicando os dois lados, o jogo acaba ficando lento, às vezes cansamos mais rápido. Se está nublado, um calor ameno, é bom. No Sul é até bom, mas pega, por exemplo, em Recife ou aqui em Santos, com sol. Deixa todo mundo cansado. É um horário bom, pois trás a família para o estádio, mas, para nós, acaba prejudicando", disse.

O Peixe retorna aos trabalhos nesta segunda-feira e o jogador deve estar à disposição do técnico Dorival Júnior para o duelo contra o Figueirense, na próxima quarta-feira, às 19h30, diante do Figueirense, no Orlando Scarpelli.