Ralf admite pressão sobre o Corinthians no Brasileiro

O volante sabe que o rendimento no Paulista e o longo período de preparação para a competição aumentam a responsabilidade da equipe no Nacional

Comentar
Compartilhar
03 ABR 201418h56

Capitão do Corinthians, Ralf reconhece que o time alvinegro vai iniciar o Campeonato Brasileiro, contra o Atlético-MG, no próximo dia 20, sob pressão. O volante sabe que o rendimento no Paulista (foi eliminado ainda na primeira fase) e o longo período de preparação para a competição (quase um mês sem jogos oficiais) aumentam a responsabilidade da equipe no Nacional.

"Pelo elenco que temos e por tudo que conquistamos, sabemos que começamos o campeonato um pouco mais pressionados do que o normal. Mas é bom lembrar que o Brasileiro tem pelo menos 12 clubes com chances de ser campeão. Não é como o Campeonato Paulista, que tem três ou quatro favoritos", disse Ralf.

Ralf reconhece que o time alvinegro vai iniciar o Campeonato Brasileiro sob pressão (Foto: Daniel Augusto Jr./Agência Corinthians)

A expectativa do volante é que, por causa da preparação física diferenciada, o Corinthians consiga largar bem o Brasileiro e, antes da parada para a Copa do Mundo, abra uma boa vantagem sobre os principais concorrentes ao título. Até a parada para o Mundial serão disputadas nove rodadas. "Temos de chegar voando no Brasileiro e saber tirar proveito neste início porque lá na frente será importante", disse.

Apesar de a diretoria estar atrás de reforços, Ralf considera o atual elenco do Corinthians forte e em condições ser campeão brasileiro. "Contratação é sempre bom, mas sabemos que o grupo é muito bom. Até outro dia éramos campeões do mundo. Reformulação sempre vai existir, mas não é porque não chegamos na final do Paulista que nada está bom."