Palmeiras tem interesse no corintiano Guerrero e em Barrios para o ataque

O diretor de futebol, Alexandre Mattos, tem mantido contato com diversos empresários para conseguir achar uma boa opção no mercado

Comentar
Compartilhar
22 MAI 201517h05

A busca por um atacante de peso faz com que o Palmeiras fique ainda mais atento as negociações envolvendo clubes brasileiros e do exterior. O diretor de futebol, Alexandre Mattos, tem mantido contato com diversos empresários para conseguir achar uma boa opção no mercado e a diretoria foca em dois nomes que se encaixam no que ela quer: Paolo Guerrero, do Corinthians, e Lucas Barrios, do Montpellier.

A situação mais complicada é a de Guerrero. O jogador de 31 anos tem contrato com o Corinthians até 15 de julho e o clube já avisou que não tem como renovar com os valores que ele pede. Mattos comunicou o rival, há algum tempo, que gostaria de tentar uma negociação com o peruano, mas só o faria após o time alvinegro desistir de ficar com o atleta.

O Palmeiras está disposto a pagar o salário que Guerrero pede para ficar no Corinthians (R$ 500 mil), mas assim como o rival, não quer pagar por uma quantia tão elevada de luvas (cerca de R$ 18 milhões). Além disso, os agentes do atleta já avisaram que não estão em seus planos permanecer no futebol paulista, caso realmente não tenha acordo com o time de Parque São Jorge.

Palmeiras tem interesse no corintiano Guerrero e em Barrio (Foto: Agência Corinthians)

Já Lucas Barrios pertence ao Spartak de Moscou e está emprestado ao Montpellier, mas não ficará no clube francês. O interesse no argentino naturalizado paraguaio é antigo. O Palmeiras já tentou contratá-lo pelo menos outras duas vezes, sem sucesso.

Os russos estão dispostos a liberá-lo, mas a negociação teria que ser em definitivo. Barrios tem 30 anos e foi convocado pela seleção paraguaia para a Copa América. Ele marcou 11 gols no Campeonato Francês e neste ano chegou a negociar com Flamengo e Internacional, mas as conversas não foram adiante.

Enquanto não chega um "camisa 9", o técnico Oswaldo de Oliveira deve manter Leandro Pereira na equipe para encarar o Goiás, domingo, às 11h, no Allianz Parque.