Jadson exalta Guerrero e quer Corinthians ofensivo em Assunção

Apesar de o confronto ser no estádio Defensores del Chaco, em Assunção, o jogador espera uma postura ofensiva do Alvinegro diante dos paraguaios

Comentar
Compartilhar
06 MAI 201514h11

O meio-campista Jadson está confiante em uma boa atuação do Corinthians na partida contra o Guaraní, nesta quarta-feira, pelas oitavas de final da Copa Libertadores da América. Apesar de o confronto ser no estádio Defensores del Chaco, em Assunção, o jogador espera uma postura ofensiva do Alvinegro diante dos paraguaios.

“Todas as equipes que passaram da fase eliminatória não chegaram à toa. O Guaraní teve méritos. Teremos de entrar firme e respeitando, pois será um jogo duro e vão buscar a vitória, mas vamos para cima também, não viemos aqui empatar por 0 a 0. Sabemos que é muito importante fazer gols fora de casa e vamos agredir”, declarou.

Jadson avisa que o Corinthians precisa agredir o adversário para fazer gols fora de casa (Foto: Divulgação)

O meia deu destaque ao retorno de Paolo Guerrero, que reassume a vaga no Corinthians depois de ter sido desfalque em cinco jogos, sendo quatro deles por conta de dengue e um poupado.

“A volta do Guerrero vai ajudar muito nossa equipe, porque é um jogador que tem sido referência para nós na frente, colaborando com gols”, exaltou o armador, que também passou confiança para Luciano, escolhido por Tite para jogar em função das ausências de Emerson Sheik e Mendoza, suspensos.

“O Luciano é um jogador de qualidade e tem se preparado muito nos treinos. Vamos dar apoio para ele, que, desde o ano passado, em todos os jogos em que entrou nos ajudou. Com certeza, ele e o Guerrero vão ajudar nossa equipe novamente”, completou.