Embalados por Robinho, santistas improvisam funk cutucando Palmeiras

Com a missão de vencer por dois gols de diferença para conquistar a taça, o Santos deverá ter a presença do camisa 7 para ajudar a reverter o placar na Vila Belmiro

Comentar
Compartilhar
30 ABR 201511h47

Fora da primeira partida da final do Campeonato Paulista por estar se recuperando de uma lesão muscular na coxa, Robinho assistiu pela TV à derrota do time para o Palmeiras por 1 a 0, que chegou a ser comemorada pelos jogadores e pela torcida ao final do jogo. Com a missão de vencer por dois gols de diferença para conquistar a taça, o Santos deverá ter a presença do camisa 7 para ajudar a reverter o placar na Vila Belmiro. Antes de ir a campo, porém, Robinho improvisou a letra de um funk ao lado de outros companheiros provocando o time adversário.

Gravado na companhia de Gabriel e Alisson, o vídeo vazou na rede e aumentou ainda mais a expectativa de todos os envolvidos com o clássico que decidirá o Campeão Paulista de 2015. Logo no primeiro verso da letra, que teve conteúdo e percussão improvisada, o atacante já cutuca o Verdão, time contra o qual tem bom retrospecto – Robinho sagrou-se vencedor nos três jogos que enfrentou o Alviverde. “Eu sou o rei da rima então e vou falar para você: vamos detonar o Palmeiras, é o Peixão que vai vencer”.

Após mistério acerca da recuperação, Robinho faz vídeo provocando Palmeiras e deve ser titular domingo (Foto: Divulgação/SFC)

Sem controlar a empolgação, o camisa 7 – principal pilar do time dirigido por Marcelo Fernandes – passou a palavra para o volante Alisson, que ainda se recupera de cirurgia no joelho que o fez perder grande parte da última temporada. Na sequência, Robinho apresentou o parceiro Gabriel, que foi reserva no primeiro jogo da final, como “artilheiro”, o que não deixa de ser fato, já que o camisa 10 foi o maior goleador da equipe no último ano.

Inspirado na rima, Robinho assumiu novamente ser “Peixão até morrer” antes de, embalado pelas palmas dos companheiros, apresentar o resto do time, falando dos jogadores conforme a posição. Já no fim do vídeo, o jogador deixa um recado para a massa santista. “Vila Belmiro lotada com a presença do Pelé, vamos ser campeão, você pode botar fé”.

Para conquistar o título em sua sétima final seguida de Estadual, no entanto, o Santos precisa bater o Palmeiras por dois gols de diferença, feito que apenas o Red Bull conseguiu em toda primeira fase do Paulistão. Em caso de empate, o título fica com o time da capital. Se o placar for o mesmo do jogo de ida – 1 a 0 – a decisão vai para a disputa de pênaltis.