X
Famosos

Felipe Neto desiste de viagem após crise de pânico e promete mergulho na terapia

No primeiro dia do ano, Felipe Neto desabafou nas redes sociais sobre a luta contra a depressão e falou que sentia estar "no fundo do poço"

Os depoimentos foram todos dados por ele no momento em que já estava dentro de casa onde ele disse ser o local onde mais se sente bem / Reprodução/Instagram

O empresário e youtuber Felipe Neto, 33, desistiu de uma viagem assim que chegou ao aeroporto após começar a sentir uma crise de pânico, doença que já o acomete há alguns anos. De acordo com relato dele nas redes sociais, a angústia que sentiu foi multiplicada em 50 vezes e foi algo que ele não deseja a ninguém.

"Não consegui sair do carro e quando pensei em voltar para casa, eu desisti da viagem, imediatamente aquela sensação de estar se afogando aliviou quando pensei na possibilidade de não ir e voltar para casa", ainda explicou ele.

Agora, dele quer aumentar as sessões de terapia para poder entender melhor os motivos que o levam a desenvolver o pânico sempre que sai de casa. "Preciso entender o que está acontecendo dentro da minha mente, se desenvolvi algum tempo de agorafobia, mesmo que em grau pequeno. Toda vez que me distancio de casa eu começo a me sentir pesado com sensações de agonia. Precioso mergulhar na terapia de novo", disse.

Os depoimentos foram todos dados por ele no momento em que já estava dentro de casa onde ele disse ser o local onde mais se sente bem. E fez questão de tranquilizar os fãs.

"Não se preocupem. Eu já lido com isso há muitos anos e vou sair dessa. Agora estou bem. Já voltei para o meu refúgio e me senti bem automaticamente. O que preciso é ficar bem podendo sair de casa, podendo viajar, podendo fazer o que eu bem entender", explicou.
Dessa forma, ele espera que possa ajudar mais gente. "Eu podia fingir que minha vida está maravilhosa. Mas eu sinto que tenho uma responsabilidade neste mundo de tentar mostrar para as pessoas que passam pelas mesmas coisas que eu que vocês não estão sozinhos. Não há dinheiro, fama, sucesso, sensação de realização no mundo que cure essa doença. Vou me tratar e vou me cuidar", concluiu.

Desde o Natal que Felipe parece não estar bem. Ele afirmou na madrugada de 27 de dezembro que precisava de um tempo, sem explicar qual era o problema que enfrentava no momento. "Preciso que todo mundo respeite e se afaste", disse. Ele pediu aos fãs que não acreditassem em teorias e afirmou que "as coisas vão se ajustar".

Faça parte do grupo do Diário no WhatsApp e Telegram.
Mantenha-se bem informado.


Um dia antes, o youtuber assustou os seguidores ao pedir perdão, afirmar que um dia tudo ficaria bem e em seguida sumir por algumas horas das redes sociais, onde faz postagens frequentes e interage com o público.

Depois, ele anunciou o término da relação com a influenciadora Bruna Gomes. Mas o que chamou a atenção dos internautas é que o influenciador digital terminou o relacionamento com Bruna pelo telefone no Natal.

No primeiro dia do ano, Felipe Neto desabafou nas redes sociais sobre a luta contra a depressão e falou que sentia estar "no fundo do poço". Ele publicou um texto dizendo que amigos estavam se revezando 24 horas por dia na casa dele para não ficar sozinho.
"Lembra que eu sempre falei que minhas amizades nunca foram pautadas por influência, poder e dinheiro? Pois é... Esse é o valor de um real amigo. Ele larga tudo, ele abdica o Revéillon com a família para poder te manter em pé", disse o youtuber.

No texto, Neto falou que a família o tem fortalecido na luta contra a depressão e que as mensagens de apoio que tem recebido dos seguidores eram "surreais" e" indescritíveis". "Minha mãe está sofrendo para cacete, mas é minha rocha. Ontem veio me trazer pavê e mousse. São as pequenas coisas, são os detalhes."

Deixe a sua opinião

VEJA TAMBÉM

ÚLTIMAS

Cotidiano

+Milionária realiza primeiro sorteio neste sábado (28)

Modalidade é a única a contar com dez faixas de premiação

Esportes

Confronto das oitavas da Libertadores e Sul-Americana são definidos

Os confrontos das oitavas de final serão disputados na última semana de junho e na primeira semana de julho.

©2021 Diário do Litoral. Todos os Direitos Reservados.

Software