EMTU/SP leva Central Móvel de Atendimento ao Passageiro Especial à Baixada Santista

O atendimento estará disponível das 10 as 16h na Av. dos Trabalhadores, nº 2, no Terminal Tude Bastos, bairro Tude Bastos

Comentar
Compartilhar
03 JUL 201412h24

A EMTU/SP por meio do Centro de Atendimento ao Passageiro Especial (CAPES), responsável pelo fornecimento da Carteira de Identificação do Passageiro Especial (CIPES), irá disponibilizar na próxima segunda-feira, 07/07, uma central móvel de atendimento ao passageiro especial no município de Praia Grande.

O “CAPES Móvel” atenderá a população com informações sobre a concessão de gratuidade às pessoas com deficiência no transporte público intermunicipal. O atendimento estará disponível das 10 as 16h na Av. dos Trabalhadores, nº 2, no Terminal Tude Bastos, bairro Tude Bastos.

O “CAPES Móvel” atenderá a população com informações sobre a concessão de gratuidade às pessoas com deficiência no transporte público intermunicipal (Foto: Arquivo/DL)

CAPES nas regiões metropolitanas de São Paulo

O Centro de Atendimento ao Passageiro Especial funciona desde setembro de 2000 na Região Metropolitana de São Paulo. A primeira unidade, o CAPES Sul, tem capacidade para cerca de 450 atendimentos por dia. Em julho de 2008 foi inaugurado o CAPES Leste, com capacidade de 300 atendimentos/dia.

Em Campinas o serviço foi implantado em janeiro de 2009 com capacidade de 100 atendimentos por dia. Em São José dos Campos está em funcionamento, desde maio de 2013, a unidade que atende o Vale do Paraíba e o Litoral Norte, também com capacidade diária para 100 atendimentos e que, até maio, atendeu a 2.820 pessoas.

Todos os postos do CAPES fornecem aos usuários a concessão da gratuidade por meio da CIPES que é emitida somente aos usuários que se enquadram nas categorias de deficiências físicas, visual, mental e auditiva, que tenham sua capacidade de trabalho comprometida, além de usuários com doenças orgânicas como HIV e tumores malignos.