Relatório do Inpe alertava para aumento nos focos de incêndio neste mês

Até ontem (24 de agosto) foram registrados 78.383 focos de incêndio no Brasil. Este número é 84% maior do que o mesmo perído de 2018.

Comentar
Compartilhar
25 AGO 2019Por Da Reportagem15h10
Foto: José Cruz/Agência Brasil

O Inpe (Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais) emitiu um relatório em julho deste ano apontando para a possibilidade de aumento dos focos de incêndio na Amazônia agora em agosto. O texto ainda dizia que, em comparação ao mesmo período do ano passado, as queimadas seriam maiores, graças a um "período de estiagem mais severa na Amazônia Central".

Até ontem (24 de agosto) foram registrados 78.383 focos de incêndio no Brasil. Este número é 84% maior do que o mesmo perído de 2018. 

O boletim do Inpe ainda trazia o que eles chamam de "mapa da anomalia", uma indicação por previsão dos pontos onde os especialistas entendem ser o de maior preocupação e gravidade. No documento eram citados três pontos da BR-230, ao Sul da Amazônia, e também regiões do Tocantins e Mato Grosso do Sul.

 

 

 

 

Colunas

Contraponto