Prevendo conflitos, EUA pedem a americanos no Brasil que não participem de atos do dia 7

No site da embaixada dos EUA no Brasil, o alerta foi colocado, instruindo os americanos a não se aproximarem de locais de manifestações

Comentar
Compartilhar
04 SET 2021Por Folhapress09h07
Casa Branca, nos EUA.Casa Branca, nos EUA.Foto: Arquivo/Agência Brasil

O governo dos EUA emitiu um alerta de segurança a seus cidadãos, indicando para riscos associados às manifestações convocadas por aliados do presidente Jair Bolsonaro (sem partido), no dia 7 de setembro

No site da embaixada dos EUA no Brasil, o alerta foi colocado, instruindo os americanos a não se aproximarem de locais de manifestações.

"Espera-se que manifestações ocorram nas principais cidades do Brasil na terça-feira, 7 de setembro", diz o comunicado. " A Embaixada dos EUA no Brasil adverte os cidadãos americanos para evitar áreas em torno de protestos e manifestações, já que mesmo manifestações destinadas a ser pacíficas podem se tornar conflituosas", alertam os americanos.

"Encorajamos você a verificar a mídia local para atualizações e conselhos de trânsito", sugerem. Entre as ações a serem tomadas, a embaixada sugere: 

Evitar as áreas das manifestações. 

Tenha cuidado se inesperadamente estiver nas proximidades de grandes reuniões ou protestos. 
Mantenha-se discreto. 

Inscreva-se no Programa Smart Traveler Enrollment Program (STEP) para receber alertas e facilitar a sua localização em caso de emergência.

*Do UOL, da coluna de Jamil Chade