12h : 49min

Conheça o
Caderno + DL

Ler

Assine o Jornal por R$8
por mês no plano atual

AssineLer Jornal

Paulo Vilhena lança projeto gastronômico na Baixada Santista

Ator se une a administrador para lançar o Primeira Mesa, projeto que será apresentado a empresários de toda a Baixada Santista

Comentar
Compartilhar
16 MAR 2017Por Da Reportagem13h56
Paulo Vilhena lança hoje um projeto gastronômico na Baixada SantistaFoto: Divulgação

Oferecer opções saborosas e com preço atrativo aos consumidores e ainda preencher horários ociosos de restaurantes. Da união dessas duas ideias surgiu o Primeira Mesa, um projeto idealizado pelos santistas Paulo Vilhena e Rodrigo Marzagão. O Primeira Mesa é vantajoso tanto para o cliente, que paga metade do valor do prato, como para o comerciante, já que para participar a pessoa deve chegar logo que o restaurante abrir.

O ator e o administrador vão lançar oficialmente o projeto na próxima quinta-feira, em Santos. Proprietários de alguns dos principais restaurantes da região já confirmaram presença.

O Primeira Mesa garante que o consumidor que comprar um voucher pelo site pague apenas 50% do valor de qualquer prato do restaurante credenciado. A única exigência é que ele chegue cedo, para ocupar a primeira mesa durante o início de cada expediente - no almoço e no jantar - quando normalmente os comércios ficam vazios.

Pagando uma pequena taxa para até quatro ou até seis pessoas, o consumidor garante o seu voucher. É preciso ficar atento ao horário da reserva. A tolerância é de 30 minutos. O desconto é válido para qualquer item no cardápio, desde entrada, prato principal até a sobremesa. Apenas as bebidas não terão o abatimento.

A solução agradou os donos de restaurantes, afinal, era preciso preencher o início de cada expediente para melhorar o faturamento. “Enquanto o estabelecimento está de portas abertas, já começou a ser contabilizada a hora de trabalho de cada colaborador que está a postos para receber a clientela”, lembra Rodrigo Marzagão.

“O projeto é lucrativo para o empresário responsável pelo restaurante conseguir movimentar a sua casa, oferecer a oportunidade de novos clientes conhecerem o ambiente e a comida, e aumentar o seu fluxo de caixa. Por outro lado, é interessante para o consumidor pagar bem menos por uma comida de qualidade, além de conhecer lugares novos”, complementa Vilhena.

O custo para realizar a reserva é de R$12,00 (para quatro pessoas) ou R$18,00 (para seis pessoas). O Primeira Mesa já opera há algumas semanas, com sucesso. “Muitas pessoas já garantiram sua experiência gastronômica em diversos restaurantes que aderiram ao projeto não apenas em Santos, mas no interior de São Paulo e até mesmo no Rio de Janeiro. A ideia é que ele abranja dezenas de cidades em todo território nacional”, garantem os sócios.

Como o ator e o administrador são santistas, nesse primeiro momento Santos e toda a Baixada são a prioridade. Por isso, a primeira apresentação oficial do projeto para proprietários de restaurantes será realizada na cidade. O Yê Simplesmente Saudável, que já pertence ao projeto, irá oferecer um espaço para que os empresários de gastronomia da região possam obter informações, sanar suas dúvidas e até mesmo já garantir a inscrição para fazer parte do projeto. Vilhena e Marzagão farão essa apresentação na próxima quinta-feira, dia 16, às 20h. Ainda há lugares disponíveis para representantes de restaurantes interessados.

Colunas

Contraponto

Banner Ouvidoria