Entrada da Cidade

Cansado, Santos visita Novorizontino sonhando com melhor campanha do Paulistão

Na última semana, o Peixe fez dois dos seus principais jogos nos primeiros meses do ano: a estreia na Copa Libertadores e o clássico com o Corinthians

Comentar
Compartilhar
07 MAR 2018Por Estadão Conteúdo18h15
Diogo Vitor marcou o gol de empate no clássico contra o CorinthiansFoto: Divulgação/Santos FC

Desgastado pela sequência de jogos, o que incluiu uma viagem ao Peru na semana passada, o Santos entra em campo nesta quarta-feira, às 19h30, diante do Novorizontino, pela 11ª rodada do Campeonato Paulista, dividido em duas frentes: dar descanso a jogadores cansados às vésperas de confrontos decisivos e, ao mesmo tempo, pressionar o Palmeiras na briga pela melhor campanha da fase de classificação.

Na última semana, o Santos fez dois dos seus principais jogos nos primeiros meses do ano, com a estreia na Copa Libertadores - perdeu para o Real Garcilaso por 2 a 0 - e o clássico com o Corinthians, em que arrancou empate nos minutos finais. Por isso, o técnico Jair Ventura decidiu dar um descanso a alguns jogadores antes de o time voltar a atuar pelo torneio continental e iniciar a participação no mata-mata do Paulistão.

Porém, a derrota do Palmeiras por 1 a 0 para o São Caetano, na última segunda-feira, alterou o cenário santista. O revés manteve a vantagem do clube alviverde em relação ao rival em apenas dois pontos na classificação geral do Paulistão e aumentou as esperanças do time de ultrapassá-lo, o que poderá acontecer já nesta quarta, pressionando o clube alviverde para o clássico do dia seguinte com o São Paulo, em casa. "Acho que é importante terminar na liderança geral do campeonato. Faz a diferença nas próximas fases. Temos dois jogos, vamos buscar vencê-los para terminar em primeiro", afirmou Léo Cittadini.

Por isso, Jair vai utilizar alguns titulares no Santos para o duelo em Novo Horizonte, poupando outros. Um deles é o atacante Gabriel Barbosa, o Gabigol. Depois de não enfrentar o Corinthians por estar suspenso, ele seguirá de fora para se recuperar fisicamente após atuar no Peru longe das condições ideais.

Além disso, o zagueiro David Braz, titular em nove dos 11 jogos que o Santos fez em 2018, e o atacante colombiano Jonathan Copete nem foram relacionados por Jair por causa do desgaste físico. Essas ausências abrirão caminho para Gustavo Henrique ganhar nova chance na zaga, enquanto Yuri Alberto, com apenas 16 anos, começará pela primeira vez um jogo como titular.

A sua entrada, aliás, não será a única novidade do setor ofensivo santista. Jair deve dar descanso ao argentino Vecchio e a Eduardo Sasha, recolocando Arthur Gomes no time, além de escalar Vitor Bueno, para que o meia readquira ritmo de jogo após se recuperar de grave lesão. O jogo com o Novorizontino também deve marcar a estreia do recém-contratado Dodô na lateral esquerda.

Essas alterações, porém, não foram confirmadas por Jair, que também aguardará o aval da fisiologia para escalar o Santos. "Por causa da classificação, se tiver de poupar, vamos pensar na integridade física dos atletas", afirmou o treinador.

De qualquer forma, é certo que Jair vai escalar a 12ª formação diferente no Santos nos 12 jogos da equipe em 2018. E para minimizar o desgaste, o elenco viajou até São José do Rio Preto em um avião, de onde seguirá de ônibus para Novo Horizonte horas antes do duelo, decisivo para o time da casa na briga por uma vaga na próxima fase do Paulistão.

Após vencer o Ituano por 3 a 2, o time entrou na zona de classificação para as quartas de final no Grupo C e agora depende apenas de suas forças para avançar à próxima fase. Mas terá que superar pela primeira vez no torneio um dos principais times do Estado - até agora, perdeu para o Corinthians por 1 a 0 e empatou com o São Paulo por 0 a 0.

O técnico Doriva se entusiasmou após a virada sobre o Ituano, conquistada com três gols em apenas cinco minutos. "Foi uma vitória importantíssima, que nos permitiu um passo gigante com 14 pontos e quatro vitórias, todas muito suadas. Trata-se de um campeonato muito difícil, e as vezes, infelizmente, nem todos entendem isso. Estamos fazendo um campeonato bem equilibrado. Esse jogo diante do Ituano, com essa grande virada, nos trouxe uma moral imensa. Agora, nossa pretensão é buscar essa classificação, temos isso muito claro e faremos o possível e o impossível", disse.

Para o jogo contra o Santos o Novorizontino não tem nenhum jogador suspenso. Alisson Safira, grande herói na virada em cima do Ituano, com dois gols marcados, está confirmado no ataque ao lado de Juninho e Cléo Silva.

FICHA TÉCNICA:

NOVORIZONTINO x SANTOS

NOVORIZONTINO - Oliveira; Tony, Éder, Anderson Salles e Tiago Costa; Jean Patrick, Adilson Goiano e Jean Carlos; Juninho, Alisson Safira e Cléo Silva. Técnico: Doriva.

SANTOS - Vanderlei; Daniel Guedes, Lucas Veríssimo, Gustavo Henrique e Dodô; Alison, Léo Cittadini e Vitor Bueno; Rodrygo, Arthur Gomes e Yuri Alberto. Técnico: Jair Ventura.

HORÁRIO - 19h30.

ÁRBITRO - Leandro Bizzio Marinho.

LOCAL - Estádio Dr. Jorge Ismael de Biasi, em Novo Horizonte.

Colunas

Contraponto