X

CRESCENDO BEM

App brasileiro de sexo a três chega aos EUA e tem aumento de 70% no faturamento

Com foco em casais e solteiros(as) do meio liberal, o Ysos já reúne mais de 1,6 milhão de usuários e se consolida como o maior do nicho

Da Reportagem

Publicado em 29/01/2024 às 21:57

Comentar:

Compartilhe:

A-

A+

Head de marketing do app explica que, por ser um aplicativo voltado para a comunidade liberal, um dos diferenciais da plataforma é a galeria privada / Womanizer Toys / Unsplash

O aplicativo brasileiro Ysos, conhecido entre casais e pessoas solteiras adeptas do meio liberal, agora está disponível nos Estados Unidos e, aqui no Brasil, vem quebrando recordes: em 2023, o app registrou o aumento de 70% no seu faturamento em relação ao ano anterior e o crescimento de 20% no número de novos cadastros.

Faça parte do grupo do Diário no WhatsApp e Telegram.
Mantenha-se bem informado.

Às vésperas de completar seis anos, o app se consagrou como o maior da categoria e, para a CMO da empresa, Mayumi Sato, alguns fatores foram muito importantes no alicerçamento dessa construção.  “Este é um mercado cercado por tabus e preconceitos, o Ysos nasceu para ser um aplicativo simples, discreto e livre de julgamentos, proporcionando um ambiente seguro para quem busca encontros casuais”, diz.

Em 2023, a comunidade atingiu novos patamares de interação. Para se ter uma ideia, foram mais de 1,5 milhão de fotos compartilhadas pelos usuários. Houve um aumento expressivo de 40,52% nas curtidas entre perfis e as mensagens trocadas cresceram em 18,37%, confirmando o potencial engajamento dentro da plataforma.

O head de marketing do app, Gustavo Ferreira, explica que, por ser um aplicativo voltado para a comunidade liberal, e praticante do ménage à trois, um dos diferenciais da plataforma é a galeria privada, em que as fotos são exibidas apenas para aqueles que o dono do perfil permitir. Desta forma, só poderão ter acesso às suas fotos íntimas aqueles que realmente tiverem algum tipo de afinidade. 

Nas galerias, tanto na pública quanto na privada, não é permitido o uso de fotos da internet ou de terceiros e há moderação para garantir que isso ocorra. “Quem preza pela discrição não precisa se expor, basta usar a imaginação e deixar o que for mais íntimo para a galeria privada. Assim, você mantém a discrição e, aos poucos, vai se revelando para aquelas pessoas com quem rolar uma conexão. O objetivo do Ysos é te ajudar a conhecer quem está por perto, curte o mesmo que você e também quer se divertir!”, diz.

Apoie o Diário do Litoral
A sua ajuda é fundamental para nós do Diário do Litoral. Por meio do seu apoio conseguiremos elaborar mais reportagens investigativas e produzir matérias especiais mais aprofundadas.

O jornalismo independente e investigativo é o alicerce de uma sociedade mais justa. Nós do Diário do Litoral temos esse compromisso com você, leitor, mantendo nossas notícias e plataformas acessíveis a todos de forma gratuita. Acreditamos que todo cidadão tem o direito a informações verdadeiras para se manter atualizado no mundo em que vivemos.

Para o Diário do Litoral continuar esse trabalho vital, contamos com a generosidade daqueles que têm a capacidade de contribuir. Se você puder, ajude-nos com uma doação mensal ou única, a partir de apenas R$ 5. Leva menos de um minuto para você mostrar o seu apoio.

Obrigado por fazer parte do nosso compromisso com o jornalismo verdadeiro.

VEJA TAMBÉM

ÚLTIMAS

Cotidiano

Praia Grande tem novos pontos com radares e lombadas eletrônicas; veja onde

A velocidade máxima permitida nas lombadas eletrônicas será de 40km/h e nos radares de 60km/h

ESPORTE REGIONAL

Portuários Stadium reúne crianças e adolescentes com o ThaiKids em Santos

Evento acontece no próximo dia 27

©2024 Diário do Litoral. Todos os Direitos Reservados.

Software

Newsletter