X
São Vicente

'Próxima etapa é fazer a prova de carga na Ponte dos Barreiros', explica subsecretário

Afirmação é de Paulo Fiamenghi, subsecretário de Infraestrutura da Secretaria de Obras de São Vicente (Seob)

A Reportagem do Diário do Litoral esteve em São Vicente acompanhando o avanço das obras na Ponte dos Barreiros, ao lado do subsecretário de Infraestrutura da Secretaria de Obras (Seob), Paulo Fiamenghi. Em um passeio de barco que contemplou cada fase dos reparos e reformas, foi possível observar que quase 90% de tudo já estava praticamente finalizado, com o cronograma para a conclusão dos 100% mantido para julho.

 

Fiamenghi diz que, em julho, será o 12º mês de trabalho na ponte, mas que para a obra ser concluída dentro desse prazo é preciso que uma adutora da Sabesp seja retirada do local. "Ela (Sabesp) precisa retirar essa adutora aqui do passeio para que nós avancemos com o serviço. Em setembro de 2021 fizemos uma reunião com eles e um ofício foi feito. Acreditamos que eles cumprirão com o combinado e tudo dará certo".

A Sabesp, segundo o secretário, queria fazer uma nova obra para levar a adutora para lá.

"Eles estão montando uma adutora provisória para retirar a que está na ponte, mas deixamos claro para eles que não podemos esperar. Dessa forma que eles querem fazer se torna inviável entregar a obra pronta em julho. Repito: estamos conversando com eles o tempo todo; eles estão trabalhando. Sabemos que não é uma tarefa fácil, mas precisamos de todas as energias focadas nisso", explica Fiamenghi.

Sabesp

A Sabesp esclareceu, por nota, que iniciou em abril de 2022 a execução das obras para remanejamento da referida adutora.

A Companhia ressalta que já foram realizadas vistorias para planejamento deste serviço de alta complexidade, que vem sendo desenvolvido junto com os trabalhos da administração municipal, sendo necessária grande logística e colaboração entre as partes. A Sabesp está empenhada para que as atividades cumpram ao cronograma estabelecido, sem afetar o abastecimento de água tratada nesta região.

Prova de carga.

Como uma das etapas mais importantes antes da finalização dos trabalhos na Ponte dos Barreiros está a prova de carga, que consiste em colocar peso suficiente no equipamento para verificar se toda a estrutura está de acordo com o planejamento da engenharia.

"Com esse teste teremos a certeza de que poderão entrar os caminhões que vão fazer os trabalhos de pavimentação, por exemplo. Sem isso eu não posso autorizar a entrada desses veículos", enfatiza.

Das estacas da Ponte, 217 das 217 já foram totalmente recuperadas e 90% do vão metálico já está finalizado. Na continuidade dos serviços nos próximos meses estão a pavimentação das pistas, iluminação e conclusão da passarela para pedestres e ciclistas nos três últimos meses contratuais (caso a prova de carga sinalize que toda a parte estrutural está aprovada para receber os caminhões, como dito acima).

"Estamos trabalhando para deixar no passado essa história de ponte interditada, de ponte parcialmente interditada, siga e pare, tudo que fez parte das nossas vidas nos últimos tempos. Isso vai ficar para trás porque a obra está avançando, estamos sempre acompanhando de perto e em breve vamos liberar totalmente as duas pistas da ponte" afirmou o prefeito Kayo Amado.

Deixe a sua opinião

VEJA TAMBÉM

ÚLTIMAS

Polícia

PM apreende 4,6 kg de drogas no Morro São Bento, em Santos

Dois homens conseguiram fugir, e até o momento, não foram localizados

OPORTUNIDADE

Novo concurso público é aberto em Santos; veja detalhes

O processo seletivo também procura profissionais atuantes que venham a ocupar sete funções diferentes

©2021 Diário do Litoral. Todos os Direitos Reservados.

Software