Cotidiano

SV: obra na Ponte dos Barreiros entra na reta final com 77% dos serviços concluídos em abril

Ao todo, 180 das 217 estacas já estão recuperadas; cronograma para conclusão no final de julho é mantido

Da Reportagem

Publicado em 29/04/2022 às 10:35

Comentar:

Compartilhe:

SV: obra na Ponte dos Barreiros entra na reta final com 77% dos serviços concluídos em abril / Foto: Prefeitura de São Vicente

A obra na Ponte dos Barreiros continua a todo vapor e entra na reta final com a medição de abril apontando para 77% dos serviços concluídos em toda a estrutura. Das estacas, 180 das 217 já foram totalmente recuperadas e 90% do vão metálico já está finalizado.

O cronograma de conclusão continua mantido e sendo cumprido à risca, com a previsão de terminar a obra no final de julho. Na continuidade dos serviços nos próximos meses estão a pavimentação das pistas, iluminação e conclusão da passarela para pedestres e ciclistas nos três últimos meses contratuais.

Faça parte do grupo do Diário no WhatsApp e Telegram.
Mantenha-se bem informado.


O prefeito Kayo Amado, em visita recente na Ponte, ressaltou que as obras estão seguindo o cronograma proposto pela empresa e que a fiscalização da Prefeitura em cada processo vai garantir total eficiência da estrutura para os moradores de São Vicente.

“Estamos trabalhando para deixar no passado essa história de ponte interditada, de ponte parcialmente interditada, siga e pare, tudo que fez parte das nossas vidas nos últimos tempos. Isso vai ficar para trás porque a obra está avançando, estamos sempre acompanhando de perto e em breve vamos liberar totalmente as duas pistas da ponte” afirmou o prefeito.

Histórico da reforma
A reforma teve início em agosto de 2021, com a montagem do canteiro avançado de obras, dos andaimes e balsas para que o pontapé no serviço estrutural pudesse ser dado. Por volta da metade de setembro, os trabalhadores contratados da Jatobeton, empresa responsável pela obra, iniciaram os reparos em todas as estacas, transversinas, longarinas, New Jersey, junta de dilatação e guarda corpo da ponte, serviços realizados em diversas frentes de trabalho.

O alteamento do New Jersey foi totalmente concluído, bastando agora o acabamento e a pintura, que serão finalizados perto do término da obra. Nas juntas de dilatação (dispositivo para absorver a variação volumétrica dos materiais devido às mudanças das temperaturas e também utilizada para mitigar os efeitos da vibração e movimentação da estrutura decorrente do tráfego), até o momento 54 das 59 partes já tiveram a troca das borrachas que garantem a movimentação natural e a vida útil da ponte.

Outro serviço que foi concluído é o "macaqueamento", que consiste em levantar a estrutura da ponte em alguns centímetros para a colocação de uma nova borracha nitrílica, garantindo a absorção dos impactos diários que a estrutura sofre. E os serviços de substituição dos aparelhos de apoio de neoprene. Nas estacas, os serviços estão chegando a 83% do total, com 180 de 217 já concluídos até o fim de abril.

Para a conclusão das pilastras, são três etapas: o reparo submerso com os mergulhadores, o emerso e a finalização no coroamento que engata a pilastra no globo superior. Ao término, a capacidade da ponte vai passar de 32 para 45 toneladas.

Em toda essa frente de trabalho atuam cerca de 150 funcionários, que trabalham para garantir que o prazo de doze meses seja cumprido e os munícipes possam utilizar a ponte com total segurança e nos dois sentidos, voltando à normalidade no próximo ano.

VEJA TAMBÉM

ÚLTIMAS

Diário Mais

Maior bar de gelo da América Latina fica em SP; veja como chegar e preços

Quem quiser conferir a atração deve se preparar para 'o frio congelante', pois a temperatura no local pode chegar a -15ºC

Esportes

Quanto vale o ouro? Saiba a premiação de cada medalha olímpica

Valor teve uma evolução de 40 % em comparação a Tóquio 2020

©2024 Diário do Litoral. Todos os Direitos Reservados.

Software

Newsletter