X

São Vicente

Família acusa PM de matar jovem cego durante operação em São Vicente

O caso ocorreu no dia 7 de fevereiro. O jovem recebeu a visita de um amigo em casa, na avenida Oswaldo Toschi

Folhapress

Publicado em 28/02/2024 às 14:00

Atualizado em 28/02/2024 às 14:28

Comentar:

Compartilhe:

A-

A+

Familiares acusam a Polícia Militar de matar um jovem cego durante a Operação Verão em São Vicente / Divulgação/Governo de São Paulo

Siga as notícias do Diário do Litoral no Google Notícias

Familiares acusam a Polícia Militar de matar um jovem cego durante a Operação Verão em São Vicente. De acordo com a família, ele não tinha qualquer envolvimento com o crime e estava dentro de sua casa, que teria sido invadida pelas forças policiais. O jovem, que tinha 24 anos era cego de um olho e tinha apenas 20% da visão do outro, o que impedia que enxergasse qualquer coisa a mais de 30 centímetros de distância, ainda segundo os familiares.

Faça parte do grupo do Diário no WhatsApp e Telegram.
Mantenha-se bem informado.

O caso ocorreu no dia 7 de fevereiro. O jovem recebeu a visita de um amigo em casa, na avenida Oswaldo Toschi, e familiares dizem que policiais da Rota invadiram a residência empunhando fuzis. Eles se foram até o cômodo onde o jovem conversava com o amigo e dispararam contra os dois. Ambos foram socorridos, mas não resistiram aos ferimentos. O jovem cego morreu dois dias depois. O amigo morreu no mesmo dia.

A denúncia consta em relatório produzido pela Ouvidoria da Polícia de São Paulo sobre violações de direitos humanos durante a Operação Verão, continuidade da Operação Escudo. O relatório foi entregue nesta segunda (26) ao procurador-geral de Justiça de São Paulo, Mário Luiz Sarrubbo. Iniciada após a morte do soldado da Rota Samuel Wesley Cosmo, no dia 2, a Operação Verão provocou a morte de 33 pessoas em supostos confrontos com policiais até a última sexta (23).

Operação Verão chega a 34 mortes após confronto no Morro do José Menino

No registro da ocorrência, os policiais relatam que entraram no imóvel em razão de uma denúncia de tráfico de drogas e que houve reação.

A família nega a versão da polícia. E apresentou laudos para comprovar que desde 2016 a vítima sofria de doença ocular chamada ceratocone bilateral avançado, "tornando improvável a versão policial de que ele tivesse ameaçado os policiais com uma arma de fogo".

Guilherme Derrite revela que a Operação Verão irá continuar na Baixada Santista

Questionada, a SSP (Secretaria da Segurança Pública) afirma que os casos de mortes decorrentes de intervenção policial são consequência direta da reação violenta de criminosos à ação da polícia no combate ao crime organizado, que tem presença na Baixada Santista e já vitimou três policiais militares desde 26 de janeiro. "A opção pelo confronto é sempre do suspeito, colocando em risco a vida do policial e da população", diz a pasta.

Apoie o Diário do Litoral
A sua ajuda é fundamental para nós do Diário do Litoral. Por meio do seu apoio conseguiremos elaborar mais reportagens investigativas e produzir matérias especiais mais aprofundadas.

O jornalismo independente e investigativo é o alicerce de uma sociedade mais justa. Nós do Diário do Litoral temos esse compromisso com você, leitor, mantendo nossas notícias e plataformas acessíveis a todos de forma gratuita. Acreditamos que todo cidadão tem o direito a informações verdadeiras para se manter atualizado no mundo em que vivemos.

Para o Diário do Litoral continuar esse trabalho vital, contamos com a generosidade daqueles que têm a capacidade de contribuir. Se você puder, ajude-nos com uma doação mensal ou única, a partir de apenas R$ 5. Leva menos de um minuto para você mostrar o seu apoio.

Obrigado por fazer parte do nosso compromisso com o jornalismo verdadeiro.

VEJA TAMBÉM

ÚLTIMAS

RODOVIAS

Consórcio Litoral Paulista vence leilão de concessão do Lote Paulista

Evento aconteceu na manhã desta terça-feira (16)

Diário Mais

Saiba os melhores pontos para observação de Ovnis no litoral de SP

Os locais citados estão em Peruíbe

©2024 Diário do Litoral. Todos os Direitos Reservados.

Software

Newsletter