Vítimas são amarradas em 2 assaltos na Baixada Santista

Os casos ocorreram em Bertioga e Mongaguá; ninguém foi preso. Dois carros, um Fiat Strada e um Fiat Doblò, dinheiro e bens foram roubados

Comentar
Compartilhar
14 MAI 201512h25

Duas casas foram assaltadas por bandidos com armas de fogo, entre a noite de terça-feira e a tarde de ontem, em Bertioga e Mongaguá. Dinheiro, pertences diversos e dois carros foram roubados nas investidas, que tiveram um total de três reféns. Ninguém foi preso.

O assalto em Bertioga teve como vítima um comerciante de 66 anos, rendido por dois ladrões, às 22 horas, quando entrava com seu Fiat Strada na garagem de casa, no bairro Jardim Vista Alegre. Exibindo revólveres, os bandidos amarraram a vítima e subtraíram R$ 1.100,00, um violão, uma máquina de cartões e uma garrafa de vodca. Antes da fuga, surgiu um terceiro bandido. Os bandidos deixaram o local usando o carro da vítima.

Na segunda ocorrência, em Mongaguá, um aposentado de 77 anos, morador de uma casa no Balneário Itaóca,  e um comerciante de 58, que visitava o local, foram amarrados por dois bandidos. A dupla se apoderou de joias, relógios e R$ 600,00  e fugiu no carro do comerciante, um Fiat Doblò.

Pae Cará

No último sábado (9), um taxista de 56 anos foi mantido refém por duas horas ao ter a casa invadida por quatro assaltantes em Vicente de Carvalho, no município de Guarujá. Os bandidos reviraram a residência em busca de um cofre. Após constatarem que não havia cofre, eles fugiram levando R$ 1,2 mil, dois celulares e cartões bancários no carro da vítima, um Fiesta. O carro foi recuperado após ter sido dispensado pelos bandidos na Vila Áurea.