Síndico é agredido a cabeçada ao repreender vizinho em piscina na Riviera de São Lourenço

Rapaz foi repreendido por estar com uma garrafa de vidro na área da piscina

Comentar
Compartilhar
14 SET 2021Por Gilmar Alves Jr.19h01
O caso ocorreu em um prédio na Alameda Passeio das CaravelasO caso ocorreu em um prédio na Alameda Passeio das CaravelasFoto: Divulgação

O síndico de um prédio na Riviera de São Lourenço, em Bertioga, foi agredido a cabeçada ao repreender um vizinho, de 21 anos, que estava com uma garrafa de vidro na área da piscina.

A agressão gerou sangramento na cabeça da vítima, de 43 anos. Os fatos, em um prédio na Alameda Passeio das Caravelas, ocorreram na semana passada e foram comunicados pela vítima nesta segunda-feira (13) na Delegacia de Bertioga.

O síndico relatou à Polícia Civil que assim que observou o rapaz com a garrafa se dirigiu a ele e disse que não podia permanecer com ela naquela área.

O rapaz, então, segundo o síndico, foi em sua direção e perguntou quem era ele. Ao receber a resposta de que se tratava do síndico, o rapaz partiu em direção do homem e deu a cabeçada no rosto.

Após a agressão, o síndico subiu para o seu apartamento.

Na Delegacia, foi emitida uma requisição de corpo de delito e o a vítima foi orientada sobre o prazo decadencial de seis meses para oferecer representação contra o morador.

A equipe do delegado Fábio de Oliveira Pierry registrou a lesão corporal.