X
Polícia

Médico é preso por envolvimento em execução de paciente em Guarujá

O mesmo estaria envolvido na execução de um paciente dentro do hospital, ocorrida no dia 21 de abril

Homem de 37 anos foi alvejado por vários disparos e morreu no local / Divulgação/Whatsapp

Um médico foi preso no fim da tarde desta segunda-feira (16), dentro do Hospital Santo Amaro, em Guarujá. O mesmo estaria envolvido na execução de um paciente dentro do hospital, ocorrida no dia 21 de abril. Na ocasião, a vítima foi morta a tiros quando estava de saída do hospital após ter sido internada em decorrência de um tiro na região das nádegas. 

De acordo com informações do delegado 3º Deic de Santos, as investigações apontaram o envolvimento do médico ortopedista no crime. Foi cumprido um mandado de prisão preventiva, e o suspeito ficará em cadeia pública por 30 dias.

Faça parte do grupo do Diário no WhatsApp e Telegram.
Mantenha-se bem informado.

A suspeita é de que o médico teria facilitado a entrada dos criminosos dentro da unidade, onde foi cometido o homícidio. 

A polícia está apurando o envolvimento de mais pessoas no crime. Até lá, o médico permanecerá preso para não atrapalhar as investigações.

Em busca na residência do suspeito, foram encontrados uma pequena quantia de cocaína e realizada a apreensão de uma quantia em dinheiro, cuja a procedência será investigada. As investigações apontaram que o médico teria envolvimento com uma organização criminosa, e que essa facilitação do homícidio pode ir além de um simples crime.

 

Deixe a sua opinião

VEJA TAMBÉM

ÚLTIMAS

Praia Grande

Caminhada da Adoção pretende mobilizar pessoas e informar sobre o tema

Evento acontecerá no dia 10 de julho, na praia do Bairro Canto do Forte, em Praia Grande

Educação

Bertioga abre matrículas para Educação de Jovens e Adultos

As aulas iniciam no segundo semestre, de segunda a sexta-feira, das 19 às 22h30

©2021 Diário do Litoral. Todos os Direitos Reservados.

Software