Rodrigo Garcia diz que governo Doria já exonerou 300 funcionários

Segundo Rodrigo Garcia, haverá um balanço no início de fevereiro sobre os cargos terceirizados para novos cortes

Comentar
Compartilhar
15 JAN 2019Por Estadão Conteúdo11h00
Segundo Rodrigo Garcia, haverá um balanço no início de fevereiro sobre os cargos terceirizados para novos cortesSegundo Rodrigo Garcia, haverá um balanço no início de fevereiro sobre os cargos terceirizados para novos cortesFoto: Divulgação

O vice-governador de São Paulo, Rodrigo Garcia, afirmou na manhã desta terça-feira, 15, que o Estado já exonerou 300 servidores comissionados, e readmitiu 50% desse número. À Rádio Eldorado, Garcia disse se tratar de melhorar a eficiência do governo e não de uma "caça às bruxas".

Segundo Rodrigo Garcia, haverá um balanço no início de fevereiro sobre os cargos terceirizados para novos cortes. O vice-governador afirmou, ainda, que o governo prepara um pacote de concessões, extinção e fusão de estatais. O projeto para a Companhia de Saneamento Básico do Estado de São Paulo (Sabesp) é de capitalização, afirmou. "Queremos um governo mais enxuto, que gaste mais com serviços públicos e menos com máquina pública", disse.

Garcia disse, também, que o governo deseja conceder para a iniciativa privada 20 aeroportos regionais que estão sob administração pública e tirar do papel essas medidas ainda no primeiro semestre. Falou, ainda, sobre o trem de média velocidade que conectaria a cidade de São Paulo com Campinas, no interior do Estado.