O que são e para que serve os Registros Hidráulicos?

Os registros são componentes empregados nas instalações de água fria e quente dos sistemas hidráulicos prediais

Comentar
Compartilhar
02 MAI 201415h27

Os registros hidráulicos são aquelas peças que podemos chamar salvadoras em determinados momentos. Quando uma torneira quebra e não fecha mais, a pia transbordando, aquele rio indo para o piso, o que fazer nesta hora de desespero! Temos que localizar o tão importante “registros”. Fechamos o registro e acabou a inundação, permitindo também a troca da torneira ou das peças danificadas, sem nenhum risco ou prejuízo. O ideal é que cada circuito hidráulico tenha o seu Registro. Um no banheiro, outro na cozinha, na área de serviço, etc. o que permite que em caso de necessidade fechar a água de um determinado cômodo , ficando com água no resto da casa. Poderia se dizer que o registro é a torneira principal de um circuito hidráulico, ele comanda todas as outras .

Os registros são componentes empregados nas instalações de água fria e quente dos sistemas hidráulicos prediais e são divididos em três tipos: de gaveta, pressão e esfera. São fabricados em ligas metálicas por processo de fundição ou estamparia e são bastante utilizados nas instalações com tubos metálicos de aço galvanizado, cobre e PVC [policloreto de vinila]. Há também os de materiais plásticos, como o PPR [polipropileno reticulado], utilizados quando o sistema todo é feito desse material. As principais características dos registros hidráulicos a serem observadas são: diâmetro, que deve ser equivalente ao diâmetro da tubulação; temperatura de utilização (água fria e/ ou quente); tipo de acoplamento (roscável ou soldável); e tipo de instalação, que pode ser bruta ou com acabamento, que dependem da instalação ser aparente ou embutida e constam das normas técnicas da Associação Brasileira de Normas Técnicas (ABNT).

O registro de GAVETA e o registro de PRESSÃO, são dois registros que tem funções diferentes em uma instalação hidráulica.

Registro de Gaveta: O registro de gaveta tem a função de trabalhar totalmente aberto ou totalmente fechado, ou seja, sua função não é regular a vazão e sim interromper o fluxo de água em uma instalação. Utiliza-se o registro de gaveta para eventuais manutenções na instalação ou no caso de algum vazamento. O registro de gaveta deve ser instalado em colunas de distribuição (tubulações verticais que distribuem a água para a residência), e não em pontos de utilização, como por exemplo: chuveiros, torneiras e etc… O registro de gaveta em sua maioria possui a vedação entre a gaveta e o corpo feito de metal, que com o tempo se o registro sofre o trabalho intenso de abertura e fechamento e ainda a pressão constante de água sobre sua sede de fechamento, os componentes internos podem sofrer desgastes, ocasionando assim vazamentos no registro, e se este registro estiver dentro da parede, ou seja, no lugar do registro de pressão, o problema é ainda maior.

Registros de Esferas: Muito mais praticidade e segurança nas instalações (Foto: Divulgação)

Registro de Pressão: O registro de pressão é para controlar o fluxo de água em um ponto de utilização. A passagem de água neste registro é bem diferente em relação ao registro de gaveta, o registro de pressão possui passagem reduzida, o que permite uma regulagem de vazão de forma a ser ajustada de acordo com a necessidade do usuário sem danificar o registro.Ele possui uma elevada perda de carga (perda da pressão e vazão de uma instalação hidráulica), em relação à pressão proporcionada pela instalação, sem promover nenhum desgaste nos componentes internos.

Diferente do registro de gaveta, o registro de pressão possui sentido de fluxo e se for instalado de forma errada, impedirá quase que por completamente a passagem de água, por isso deve-se prestar atenção na hora de sua instalação.

Registros de Esferas: Muito mais praticidade e segurança nas instalações. Registros de esfera com união cuidadosamente desenvolvidos para controle da passagem da água fria pela tubulação, permitindo o bloqueio total do fluxo para manutenções, instalações, limpeza e outras necessidades, com muito mais praticidade e segurança. Elevada vida útil, resiste a altas pressões, produtos químicos e corrosão. 

Cuidados na instalação e execução: Os registros podem ser instalados em várias alturas, conforme a definição do projeto. O registro de gaveta, que tem a função de interromper o fluxo de alimentação de um ambiente, deve ser instalado entre 1,80 m e 1,90 m do piso acabado, pois permite fácil operação se houver necessidade de interrupção do fluxo. O de pressão, instalado no trecho de alimentação de um ponto de utilização, como o do chuveiro, deve ficar entre 1,10 m e 1,20 m do piso acabado, altura ideal para que uma pessoa possa controlar o fluxo de água com facilidade.

 O registro de gaveta tem a função de trabalhar totalmente aberto ou totalmente fechado (Foto: Divulgação)

Manutenção: Esses produtos não apresentam problemas constantes de manutenção. "É importante que seja dessa forma por se tratar de uma peça que fica embutida na parede, pois causaria grandes transtornos, como a quebra dos acabamentos.