Itanhaém

Itanhaém contrata ONG para resgate e proteção de animais

Prefeitura assinou o contrato com a ONG Desporto e Saúde Animal para Todos, no último dia 26 de julho

Nayara Martins

Publicado em 22/08/2022 às 07:30

Compartilhe:

ONG também fará feiras de adoção e mutirões de castração / Divulgação

Controlar o número de animais domésticos vítimas de maus-tratos e conscientizar a população para evitar o abandono de cães e gatos. Essa é a meta da prefeitura de Itanhaém, por meio da secretaria de Planejamento e Meio Ambiente, ao assinar o contrato com a ONG Desporto e Saúde Animal para Todos, no último dia 26 de julho.

A afirmação é do secretário municipal César Ferreira que explica que o contrato é válido por um ano. A ONG foi contratada por meio da assinatura de um Termo de Colaboração com a prefeitura.

Faça parte do grupo do Diário no WhatsApp e Telegram.
Mantenha-se bem informado.

"No edital estão previstos vários serviços, entre eles as ações de resgate, 2.490 castrações, abrigo, vacinação, microchipagem e campanhas de adoção. Além dos cuidados com os animais que são vítimas de maus-tratos pelos tutores", explica.

Os animais vítimas de maus-tratos resgatados, segundo Ferreira, são levados à sede da ONG, localizada na estrada do Rio Preto, 3.301, no bairro Gaivota.

Antes disso, eles serão levados a uma clínica veterinária para passar por uma avaliação e devem receber vacinação, vermifugação, castração e microchipagem.

Na sede também há um espaço com 40 canis e gatis, destinados aos cães e gatos, sala de atendimento veterinário, banho e tosa e setor administrativo. Além de um serviço de adestramento aos animais.

A partir do início do serviço pela ONG, em 20 dias, já tinham sido resgatados 26 animais, 32 castrados, 25 abrigados e sete adotados. Todos ficam disponíveis para a adoção.

Também estão previstas campanhas e feiras de adoção. E mutirões de castração a serem realizados em bairros mais distantes e carentes em Itanhaém.

"Há muito casos de abandono de animais e, em especial, animais que são abandonados por turistas. É preciso salientar que serão resgatados e abrigados apenas os que são vítimas de maus-tratos por seus tutores em residências ou abandonados em situação de maus-tratos. Todos serão avaliados pela equipe técnica da prefeitura", frisa.

Sobre os cães que pertencem aos moradores de rua, o secretário diz que tem sido feito um trabalho em parceria com a ONG Saúde Animal e a entidade "Moradores de rua e seus cães" que atua em todo o País.

O departamento de Proteção e Bem-Estar Animal já realizou mais de 700 vistorias em casas para apurar as denúncias sobre animais que foram vítimas de maus-tratos, desde 2021. O tutor que cometer maus-tratos aos animais está sujeito à multa e à prisão, já que é considerado crime.

"O departamento continua a organizar as inscrições das castrações, a apuração dos maus-tratos e a acompanhar os resgates dos animais, além de fiscalizar o serviço prestado pela ONG", completa o secretário.

CASTRAÇÕES

A entidade também é responsável pelo serviço de castrações de animais domésticos. A ação é destinada às famílias de baixa renda cadastradas no CadÚnico (que atendem os critérios de vulnerabilidade definidos pela Secretaria de Assistência e Desenvolvimento Social) e aos protetores independentes.

Para solicitar o serviço os interessados devem acessar o site oficial da prefeitura por meio do link "Programa de castração de animais domésticos" e se cadastrar. Ou fazer contato pelo telefone 3421-2608, de segunda à sexta-feira, das 9 às 16 horas.

Os protetores independentes devem comparecer na secretaria de Meio Ambiente, localizada na prefeitura, à avenida Washington Luiz, 75, bloco 3, 2º andar, sala 42. Haverá ainda campanhas de castração voltadas aos animais de moradores de rua e nas aldeias indígenas de Itanhaém.

Quem tiver denúncias sobre animais que são vítimas de maus-tratos ou em situação de abandono pelo tutor, pode fazer contato com o departamento de Proteção e Bem Estar Animal no telefone 13 3421-2608. Ou entrar no portal de denúncias, no site da prefeitura de Itanhaém.

VEJA TAMBÉM

ÚLTIMAS

Cotidiano

Eleitores idosos dobram e jovens caem 20% em Santos, no litoral de SP

O município também tem o menor percentual de menores de idade no eleitorado em toda a Baixada Santista

Cotidiano

Pior dor do mundo! Entenda mais sobre a Neuralgia do Trigêmeo

A doença provoca dores tão fortes que diversos pacientes pensam em eutanásia

©2024 Diário do Litoral. Todos os Direitos Reservados.

Software

Newsletter