CULTURA

Coral 'Por todo canto' promove encontros em Itanhaém

No último dia 29 de julho, o maestro Luiz Baeta organizou o primeiro encontro "Canto nosso da cada dia"

Nayara Martins

Publicado em 08/08/2022 às 08:30

Compartilhe:

O maestro Luiz Baeta explica que o coral surgiu no ano de 2016, formado a partir da união de outros corais e de ex-alunos da Casa da Música / NAYARA MARTINS / DIÁRIO DO LITORAL

Difundir a cultura regional e promover os encontros de corais na região da Baixada Santista. Este é o objetivo dos integrantes do coral “Por todo canto”, de Itanhaém

Faça parte do grupo do Diário no WhatsApp e Telegram.
Mantenha-se bem informado.

No último dia 29 de julho, o maestro Luiz Baeta organizou o primeiro encontro “Canto nosso da cada dia”, com a participação de sete corais de Itanhaém, na igreja Nossa Senhora do Sion, no bairro Suarão. O encontro reuniu cerca de 82 vozes. A proposta é realizar o encontro de corais em Itanhaém, a cada dois meses. 

O maestro Luiz Baeta explica que o coral surgiu no ano de 2016, formado a partir da união de outros corais e de ex-alunos da Casa da Música. Hoje são 26 pessoas que participam do grupo.

“Tudo começou quando dirigia um coral formado por pessoas da terceira idade. Em 2015 passei em um concurso na Casa da Música e fui dar aulas de canto coral para jovens e adultos. No final do contrato, ao sair da Casa da Música, decidimos formar o “Por todo canto”, com alguns alunos da Casa da Música e outros interessados”, conta. 

O coral já participou de um concerto em homenagem ao aniversário de Itanhaém, em abril, “A pedra que canta, Itanhaém gente que encanta”, divulgado no canal Youtube. Além de outras apresentações na Igreja Matriz de Sant´Anna e na inauguração da nova agência da Caixa Econômica Federal (CEF), na Cidade. 
Segundo Baeta, este ano foi formado outro coral “Por todo canto Kids”. 

“Já havia essa intenção ao participarmos do projeto “Mais Educação”, em 2015, e formamos um polo na escola municipal Lions Clube, com as crianças. Este ano, retomamos o coral com as crianças e adolescentes”, lembra.

São três polos – na sede da União dos Amigos de Itanhaém (UAI), na Casa Padre Carlos Cavina, no bairro Rio Preto e na Associação Crescer, no Balneário Gaivota, em Itanhaém.

As crianças têm idade na faixa etária de 7 a 17 anos. O repertório é formado por músicas infantis e também por outras músicas do coral adulto.

PLANOS FUTUROS.
Sobre os planos futuros, o coordenador geral do coral, Marcus Luna, afirma que eles vão participar de um encontro de corais na cidade de Atibaia, interior de São Paulo, nos dias 3 e 4 de setembro. É um programa promovido pela secretaria de Cultura da prefeitura de Atibaia. 

“Vamos trazer mais corais da Baixada Santista, nosso objetivo é unir os grupos e mostrar aos maestros que é possível que cada um exista de forma independente, mas também juntar todos e apresentar peças de forma conjunta”, frisa Baeta.  

E se preparar para a segunda temporada do musical “A pedra que canta, Itanhaém gente que encanta”, com músicas alusivas à cultura caiçara e à cidade de Itanhaém. 

A maioria das músicas apresentadas são de compositores da região e dos irmãos Ernesto Zwarg e Antônio Bruno Zwarg. E outras de autoria dos componentes do coral, como a de Romeu Reis, “Aroma do Mar”, e Sérgio de Oliveira, a “Hastag Itanhaém”.

O coral possui um repertório bem variado, como músicas folclóricas, internacionais e de clássicos eruditos dos autores Vivaldi, Vila Lobos, músicas populares, entre outras.

Para participar de encontros em cidades da região, o grupo conta com o apoio da prefeitura de Itanhaém. Já quando acontecem em cidades mais distantes são realizados eventos para arrecadar recursos. 

“Estamos abertos a quem quiser patrocinar o nosso coral e a quem quiser participar”, destaca Baeta.      
A divulgação do grupo tem sido feita nas redes sociais, no Instagram e Facebook (coralportodocanto).

Interessados em participar do coral “Por todo canto” podem entrar em contato com o coordenador Marcus Luna, no Whatsaap 13 98143.0274. Ou ir nos ensaios que acontecem aos sábados, às 15 horas, na igreja Matriz, no centro histórico de Itanhaém. 
 

VEJA TAMBÉM

ÚLTIMAS

Cotidiano

Com salários de até R$ 32 mil e vagas no Litoral, concursos públicos abrem inscrições

Os principais concursos públicos e processos seletivos abriram vagas de emprego que abrangem todos os níveis de escolaridade

Cotidiano

Padaria inova com pão de maçã e conquista o público no Litoral de SP

Estabelecimento oferece, há 37 anos, pães diferenciados, bolos, doces e uma gastronomia afetiva aos clientes

©2024 Diário do Litoral. Todos os Direitos Reservados.

Software

Newsletter