Guarujá promove formação continuada para 43 assistentes do Mais Alfabetização

Iniciativa já está em sua terceira etapa, com capacitação realizada na EM Myrian Terezinha, no Jardim Boa Esperança

Comentar
Compartilhar
13 AGO 2018Por Da Reportagem16h00
O Programa Mais Alfabetização visa favorecer os níveis de escrita, leitura e matemática entre os estudantes, para melhorar o desempenho deles na Educação BásicaO Programa Mais Alfabetização visa favorecer os níveis de escrita, leitura e matemática entre os estudantes, para melhorar o desempenho deles na Educação BásicaFoto: Hygor Abreu

Na última sexta-feira (10), 43 assistentes de apoio do Programa "Mais Alfabetização" de Guarujá passaram por uma nova formação continuada. A iniciativa é do Governo Federal e viabilizada no Município, pela Secretaria de Educação, Esporte e Lazer (Sedel).

O Programa Mais Alfabetização visa favorecer os níveis de escrita, leitura e matemática entre os estudantes, para melhorar o desempenho deles na Educação Básica. Guarujá conta com 20 escolas beneficiadas..

A capacitação desta sexta (10), que já se encontra em sua terceira etapa aconteceu na Escola Municipal Myriam Terezinha Wichrowski Millbourn (Jardim Boa Esperança), em dois períodos: das 8 às 11 horas e das 13 às 16 horas. Participaram assistentes que atuam com o 1º e 2º ano do ensino fundamental.

Conforme explica a coordenadora municipal do Programa pela Prefeitura, Heloísa Lopes, na ocasião foi apresentada ao grupo, toda a fundamentação da atividade. "Hoje, por exemplo, eles estão conhecendo o sistema digital de monitoramento do Programa, as oficinas técnicas, e demais diretrizes estabelecidas pelo Ministério da Educação (MEC)".

Uma das assistentes é Kelly Gonçalves Quirino dos Santos. Ela fala que participar do ´Mais Alfabetização´ é uma grande oportunidade. "Só atuava com educação infantil e agora estou no ensino fundamental. É uma excelente oportunidade  e fico muito feliz por poder ajudar os alunos e o professor. Faço com muito amor", contou ela que é psicopedagoga e assistente de alfabetização do 2º ano da Escola Municipal Giusfredo Santini (Morrinhos II).